Menores raças de cachorros – Você sabe quais são?

As menores raças de cachorros é uma questão importante pra muita gente. Isso porque não são poucas as pessoas que adoram cachorros, mas que não possuem muito espaço em casa para acomodar as raças médias ou grandes.

Por isso, é comum vermos famílias que não abrem mão de ter um bichinho de estimação, mas que precisam saber quais são as menores raças para fazer a sua escolha. Não é a toa que estas listas estão entre as mais procuradas na Internet, quando o assunto é cachorro.

A verdade é que os cachorros de porte pequeno são ideais para essas pessoas que amam pets, mas tem pouco espaço. Fora isso, muita gente também acha mais fácil e mais barato manter um bichinho pequenino. O que até faz sentido, considerando que o valor das tosas é mais barato e a quantia de alimento consumido é proporcional ao porte do bichinho.

Pensando nessas pessoas e nas suas necessidades, montamos esta lista linda com as 25 menores raças de cachorros do mundo. Nesta lista constam algumas raças populares e conhecidas (como Poodle, Pug ou Shih tzu) e algumas raças mais exóticas (como Chin japonês e Spaniel anão). Popular ou não, todos esses pets são lindos e você vai se apaixonar. Então, boa leitura!

Poodle

Poodle branco menores raças de cachorros
Poodle branco com coleira – Crédito da foto: Freepik

O Poodle é uma raça que foi originada na França e já era muito popular em toda a Europa ocidental mesmo antes de chegar ao Brasil. Provavelmente, esta é uma das raças desta lista mais populares entre os brasileiros.

Diferente de outras raças desta lista, nem todos os Poodles integram o ranking das menores raças de cachorros do mundo. Isso porque o Poodle é uma raça que possui uma variedade de versões, por exemplo:

  • Toy
  • Micro toy
  • Miniatura
  • Padrão (ou somente “Poodle”, sem nenhum adicional no nome)

Se você busca pelas versões menores, opte por um Poodle toy ou Poodle micro toy, pois estes são os menores. A versão Toy chega até no máximo 25 cm de altura, e a versão Micro Toy é ainda menor. Por isso, eles são perfeitos para famílias com casas pequenas ou apartamentos.

Sensíveis, amorosos e fiéis aos seus tutores, os Poodles também podem ser bem ciumentos. Ou seja, talvez você precise pensar duas vezes caso queira um pet para socializar com outros.

A versão Toy do Poodle foi originalmente criada para atuar como cão de água. Mas atualmente a raça é muito obediente (quando treinada) e é super hábil em esportes caninos, como tracking e pastoreio.

Eles são lindos, não é mesmo? Se você gostou e está pensando em comprar um, saiba que os valores de um filhote de Toy Poodle podem variar de R$ 400 até R$ 1200, em média.

Chin japonês ou Spaniel japonês

"<yoastmark

O Chin japonês, também conhecido como Spaniel japonês, é uma raça de cachorro muito antiga. A sua história remonta há pelo menos mil anos. Nesta época, eles eram utilizados como cães de colo da realeza japonesa.

Super pequenino, o Chin japonês não ultrapassa a altura de 27 cm. Por isso, ele também é uma escolha acertada para aqueles que vivem em casas pequenas.

Spaniel japonês é uma raça canina muito amigável e fiel aos seus tutores, sendo uma excelente companhia. Ah, e se você também busca um cãozinho que gosta de gatos esta é provavelmente a escolha certa para seu caso. Isso porque eles já foram considerados até mesmo um “cachorro felino”, tamanha sua semelhança com os gatos no quesito personalidade, pois eles:

Você já viu um cão com tantas características felinas? Amigáveis e companheiros, um filhote dessa raça pode custar cerca de R$ 4 mil.

Pinscher

Pinscher marrom em fundo branco menores raças de cachorro
Pinscher marrom em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Com toda a certeza do mundo, o Pinscher merece seu lugar nesta lista das menores raças de cachorro do mundo. Isso porque os “grandes” desta raça alcançam no máximo 28 cm de altura.

Apesar de serem inteligentes, brincalhões e super amigáveis, é preciso lembrar que uma das características marcantes do Pinscher é seu latido fino. Infelizmente, a mescla de sua personalidade enérgica com um latido tão agudo causa mal-estar e impaciência em algumas pessoas. Por isso, pesquise bem sobre a raça se estiver pensando em comprar um.

No entanto, nada disso tira a beleza e a meiguice desses lindos, que são super companheiros.

Gostou e está pensando em comprar um? Então saiba que um filhote de Pinscher pode variar de R$ 400 até R$ 1500 no Brasil.

Yorkshire Terrier

Yorkshire Terrier com roupinha em fundo branco menores raças de cachorros
Terrier com roupinha e lacinho na cabeça em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Assim como os Poodle e Pinscher, o Yorkshires Terriers provavelmente fazem parte das raças pequenas mais populares entre os brasileiros. Sempre lembrados por sua beleza, eles são realmente lindos (e muito queridos).

Se você procura por um cachorro pequeno e peludo, esta é uma excelente escolha, bem como o Shih tzu ou o Lhasa apso. Mas por que ele está na lista das menores raças de cachorros do mundo? Bem, basicamente porque os Yorkshires “maiores” chegam a ter no máximo 22 cm de altura.

Carentes e bastante ciumentos, é provável que eles fiquem pedindo carinho aos seus tutores com regularidade. Por isso, é bem importante que aqueles que decidam levar pra casa um Yorkshire estejam cientes que precisarão dispensar mais tempo e atenção para sanar suas necessidades emocionais.

Mesmo hoje sendo “cachorros de companhia”, a raça foi originada na Inglaterra para atuar como cães de caça. E acreditem: eles eram ótimos caçadores!

Infelizmente, o Yorkshire Terrier não costuma gostar de crianças, de outros pets ou de pessoas estranhas. Claro que isso pode ser trabalhado através do treinamento. Mas ainda assim, é um ponto importante a ser considerado no momento da escolha por esta raça.

Além disso, eles são bastante conhecidos devido a sua pelagem, que é considerada hipoalergênica. Ou seja, os pelos do Yorkshire Terrier tendem a dar poucos problemas de energia em humanos – o que é um ponto super positivo, diga-se de passagem.

Gostou dessa lindeza e quer levar um pra casa? Então saiba que o valor médio de um filhote varia de R$ 500 até R$ 4 mil.

Affenpinscher

Com sua origem associada à Alemanha do século XVII, o Affenpinscher é muito pouco conhecido no Brasil. Eles também são chamados de Pinscher macaco. Isso porque o formato da cabeça dessas lindezas se assemelha ao formato do crânio de algumas raças de macacos.

Em sua origem, eles serviam inicialmente como “exterminadores” de todo tipo de parasitas de cozinhas e estábulos. No entanto, hoje eles são muito apreciados como cães de companhia.

Eles estão nesta lista das menores raças de cachorros do mundo porque a altura máxima que eles chegam é 30 cm, e isso quando chegam a tanto. Super ativos, eles adoram caminhadas e é super importante ter em mente que a atividade física é especialmente importante para o bem-estar desta raça.

É indicado que os tutores realizem um treinamento firme com eles. Isso porque eles podem ser bem teimosos. Apesar disso, eles também são brincalhões, curiosos e amigáveis.

A personalidade durona faz com que eles sejam muito corajosos e quase nunca apresentem medo. No entanto, esta mesma personalidade também os faz serem um pouco territoriais. Por isso, talvez essa não seja uma escolha bacana para famílias com crianças pequenas ou com outros pets.

Achou eles lindos? Quer levar pra casa? Então saiba que um filhote de Affenpinscher é dificílimo de encontrar no Brasil e o preço varia de R$ 2 mil até R$ 7 mil. Neste caso específico, é particularmente importante verificar pedigree na compra, pois os filhotes “puros” desta raça são realmente raríssimos.

Shih Tzu

Shih tzu em terreno gramado menores raças de cachorros
Shih tzu marrom clarinho em terreno gramado – Crédito da foto: Freepik

Certamente você concordará que o Shih tzu também é uma das raças mais populares do Brasil, junto com o Yorkshire Terrier, Pinscher e Poodle, que já foram mencionados nesta lista.

Assim como o Yorkshire e Affenpinscher, o Shih Tzu é uma excelente alternativa se você está pensando em um cachorro pequenino e peludinho. Ele está presente nesta lista das menores raças de cachorros do mundo porque eles não costumam ultrapassar a marca dos 27 cm de altura (e isso quando são grandes, porque os menores podem ter somente 20 cm).

Diferente do restante das raças mencionadas até o momento, o Shih tzu é uma escolha acertada para famílias com crianças pequenas. Isso porque esta raça também se faz presente entre as melhores raças de cães para famílias com crianças.

Shih tzus e crianças se dão tão bem porque eles amam brincar, são muito enérgicos e são super sociáveis e amigáveis. Por isso mesmo, além de se darem bem com crianças também é mais fácil de o fazer socializar com outros pets.

A pelagem densa, bastante cheia e de dupla camada faz com que o Shih tzu também seja conhecido como “mini leão”. No entanto, essa pelagem toda especial requer uma série de cuidados diários. Por isso, tenha certeza que você terá condições de dar os cuidados básicos que ele necessita antes de tomar a decisão final, ok?

Achou ele lindo, se apaixonou e quer levar pra casa? Bacana, então saiba que um filhote de Shih tzu pode custar de R$ 500 até R$ 5 mil. Ah, e essa raça é super fácil de ser encontrada, uma vez que ela está entre as mais populares e procuradas no país.

Maltês

Maltês branco dentro de carro
Maltês branco dentro de carro – Crédito da foto: Freepik

O maltês também está na lista das menores raças de cães do mundo porque a altura máxima a que chegam é 25 cm. Pequeninos, peludinhos e lindos, eles são extremamente dóceis e amam receber um colo e carinho de seus tutores amados.

Essa raça é realmente um mimo, eles são muito queridos e amáveis. São excelentes companheiros e ficam felizes só de poderem estar perto de seus tutores.

Muitos crêem que a raça Maltês é originária da Ilha de Malta, devido ao seu nome. No entanto, a verdade é que eles são originários da Itália – mesmo que a região de Malta tenha se apropriado da raça e batizado-a dessa forma.

Entre os séculos XVII e XVIII, os cachorros dessa raça foram criados seletivamente. Isso ocorreu para garantir o tamanho pequeno, pois eram utilizados para reprodução apenas as menores versões da raça. Esses experimentos garantiram que hoje tenhamos um cão ainda menor do que o original.

São lindos, não são? Se apaixonou e quer levar um pra casa? O preço de um filhote de Maltês costuma variar de R$ 1500 até R$ 5 mil, sendo uma das raças consideradas mais caras entre os cães.

Brussels Griffon ou Griffon de Bruxelas

Griffon de Bruxelas em gramado menores raças de cachorros
Griffon de Bruxelas em gramado – Crédito da foto: Freepik

Originários de Bruxelas, na Bélgica, eles foram criados para eliminar roedores.

Griffon de Bruxelas é uma raça de cachorro bem pequena, chegando a no máximo 20 cm de altura. Sendo certamente uma das menores raças de cães desta lista, o seu lugar neste ranking é mais do que legítimo.

Diferente de boa parte das raças já mencionadas, o Griffon de Bruxelas tem dois tipos de pelagem: áspera e lisa. Por isso, é possível encontrar cães desta mesma raça com aparências um pouco diferentes entre si.

Estes cães se ligam emocionalmente aos seus tutores e não gostam muito de crianças. Por isso, evite um filhote dessa raça se você estiver pensando em ampliar a família (ou se já tiver filhos pequenos em casa).

Entretanto, eles se dão muito bem com outros pets. Ou seja, o Griffon de Bruxelas pode ser uma escolha super adequada caso você já tenha pets e não planeje ter filhos em um futuro médio.

Gostou dele, achou ele lindo e quer saber quanto custa um filhotinho? Bom, infelizmente ele também está entre as raças um pouco mais caras. Um filhote de Griffon de Bruxelas costuma custar a partir de R$ 3 mil, podendo ser muito mais a depender do local de aquisição. Como essa não é uma raça muito fácil de encontrar, verifique sempre o pedigree.

Pug

Filhote de Pug deitado em sofá menores raças de cachorros
Filhote de Pug deitado em sofá – Crédito da foto: Freepik

O Pug também está entre as raças de cachorros mais queridas e populares dos brasileiros. E não podia ser diferente: pequeninos, todo enrugadinhos e super dóceis. Quem não se apaixonaria por essas lindezas, não é mesmo?

O Pug tem seu lugar reconhecido nesta lista das menores raças de cachorros do mundo porque os “maiorzinhos” alcançam no máximo 30 cm de altura.

As dobrinhas do corpo, a causa enroladinha e o focinho achatado são algumas das marcas características deles. E, claro, o apego com os seus tutores também é. O Pug é uma raça canina ideal para quem vive sozinho e tem uma casa pequena, sem muito espaço.

Os Pugs são adoráveis e muito amáveis. E a personalidade carismática e alegre deles também os fazem muito cômicos, engraçadinhos e amigáveis.

Diferente que alguns peludinhos listados acima, o Pug tem uma pelagem fina e bem lustrosa. Então, os amantes de pelos podem sentir um pouco de falta dessa característica nele.

Focinho achatado nos Pugs

Infelizmente, o focinho achatado (que é uma característica tão marcante deles) faz com que os Pugs sejam bastante propensos a alguns problemas de saúde. Isso ocorre porque o focinho mais achatado afeta a respiração deles, fazendo-os ficarem ofegantes e roucos.

E por falar em respiração ofegante: o Pug não consegue fazer muitos exercícios físicos, pois se cansam muito rapidamente. Por isso, esta não é uma opção viável para aqueles tutores mais atléticos que querem um pet para os acompanharem em longas caminhadas ou corridas.

Se apaixonou, está encantado e quer levar um desses pra casa? Então se organize para desembolsar entre R$ 3 mil e R$ 5 mil para a compra de um filhote. Por ser super popular, não é difícil encontrar filhotes de Pug para compra no país.

Lhasa Apso

Lhasa apso deitado em gramado
Lhasa apso deitado em gramado – Crédito da foto: Freepik

Comumente confundidos com o Shih tzu, o Lhasa apso é considerado um “primo menos famoso” do Shih tzu. Isso porque eles são realmente muito parecidos, tanto no quesito físico quanto na sua personalidade. Apesar que são semelhanças apenas, e cada um tem também suas próprias características individuais (assim como dois cães de uma mesma raça também podem ser parecidos, mas nunca idênticos).

O Lhasa apso é uma raça canina que companhia e, por isso, é perfeito para aqueles que buscam no pet um verdadeiro companheiro e amigo. A sua origem é do Tibete, uma região autônoma da China que ficou conhecida no mundo todo devido ao Monte Everest e pelos templos budistas. De forma ainda específica ainda, o Lhasa apso foi originado especificamente na região da Cordilheira do Himalaia, em Tibete.

A pelagem e todas as características físicas da raça são resultado do clima onde ele foi criado. Seu pelo é muito longo e denso, e não raramente tem mais de uma cor. Assim como outros peludinhos desta lista, a pelagem do Lhasa apso faz com que os tutores precisem ter cuidados especiais com ele, escovando-o com frequência e fazendo tosas regulares.

Amorosos, companheiros, curiosos, obedientes e inteligentes, os cachorros dessa raça são amigões daqueles tutores que decidirem cuidar deles e lhes dar amor e carinho.

Mas por quê o Lhasa apso está entre as menores raças do mundo?

O Lhasa apso está presente nesta lista porque os cachorros mais altos dessa raça atingem no máximo 28 cm, fazendo dela uma das menores raças do mundo.

Está encantado com eles? Então saiba que um filhote de Lhasa apso está entre os mais baratos mencionados até aqui, junto com o Pinscher e Poodle. Isso porque você pode encontrar para compra um filhote dessa raça por um valor que varia de R$ 800 até R$ 2 mil.

Bulldog Francês ou Frenchies

Bulldog francês preto deitado em parque menores raças de cachorros
Bulldog francês preto deitado em parque – Crédito da foto: Freepik

Muito parecido com o Pug, o Bulldog francês é para aquelas pessoas que buscam um companheiro e têm tempo para se dedicarem a ele. Isso porque eles não gostam nenhum pouco de ficarem sozinhos. Ou seja, se você precisar o deixar sozinho durante todo o dia, prepare-se para lidar com as alternativas que ele pode encontrar pra gastar sua energia.

Além disso, eles também precisam de uma série de cuidados especiais de prevenção. Isso porque o Bulldog francês é bastate propenso a ter problemas de saúde, em especial devido ao seu focinho achatado (tal como acontece com o Pug). Ah, e essa raça também pode desenvolver problemas graves de pele.

No entanto, para aqueles que o escolherem, saibam que vocês terão a companhia de um amiguinho brincalhão, carinhoso, inteligente e muito leal. O Bulldog francês é uma companhia maravilhosa e muito alto astral.

O Bulldog francês está entre as menores raças do mundo porque os cães mais altos dela chegam a no máximo 28 cm.

Um filhote de Bulldog francês pode custar entre R$ 2500 até R$ 5 mil, a depender do local de compra.

Bulldog Inglês

Bulldog inglês branco com lenço no pescoço brincando em caixa
Bulldog inglês branco com lenço no pescoço brincando em caixa – Crédito da foto: Freepik

Como você certamente deduz, o Bulldog inglês é um parente bastante próximo do Bulldog francês (e é parente também do Bulldog americado, apesar deste ser um pouco maior e, por isso, não estar nesta lista).

Super carinhoso, dócil, amigável e companheiro, eles adoram estar perto de seus tutores. O Bulldog inglês é um amigo de verdade, sendo super leal e adorando a companhia dos tutores.

No entanto, é bem provável que você vá precisar o treinar com maior atenção. Isso porque essa raça canina pode ser bem desobediente e desafiante.

Da família dos Bulldogs, eles são descendentes de cachorros que foram utilizados para combater touros em um antigo esporte muito sangrente chamado bull-baiting.

Um pouco menor que seu parente citado anteriormente, os Bulldogs ingleses mais altos alcançam no máximo 25 cm.

Lindíssimos, não é? E caso você esteja levando em consideração a compra de um filhote, o valor costuma variar de R$ 1500 até R$ 4 mil, a depender do local de aquisição.

Papillon ou Spaniel Anão Continental

Papillon ou Spaniel anão branco com marrom em banco preto e fundo cinza
Papillon ou Spaniel anão branco com marrom em banco preto e fundo cinza – Crédito da foto: Freepik

O Spaniel anão continental também é conhecido por Papillons. Eles são originários da Europa, mais especificamente da França, Espanha e Bélgica. No continente europeu, eles são muito conhecidos por suas orelhas grandes, que os assemelham a borboletas. Inclusive, é por causa dessa lembrança com borboletas que ele ficou conhecido como “Papillon” (que é “borboleta” em francês).

Com uma história muito antiga, essa raça já era retratada em pinturas datadas de 1500 d.C. Da família dos Spaniel, eles são uma das mais antigas versões Toy Spaniel.

Bastante diferente de boa parte das raças listadas até o momento, os Papillons se dão muito bem com crianças, com outros animais de estimação e com pessoas desconhecidas, desde que socializados adequadamente. Ou seja, esta pode ser uma escolha super acertada para aquela família com crianças, com outros pets ou que gostam de fazer reuniões caseiras com amigos.

Amigável, aventureiro, alegre e autoconfiante, eles são companhias muito agradáveis para seus tutores. No entanto, vale destacar que a raça é um pouco “vocal”. Isso quer dizer que eles podem gostar de ficar latindo e fazendo barulhos, como os Chihuahuas e Pinscher também gostam de fazer.

E por quê os Papillons estão entre as menores raças do mundo?

Eles estão nesta lista das menores raças de cachorros do mundo porque os Papillons mais “altos” dificilmente chegam a atingir 30 cm de altura.

Achou eles lindos, maravilhosos e quer levar um pra casa? Então talvez essa informação te interesse: eles são bastante raros e difíceis de conseguir no Brasil e o valor de um filhote varia de R$ 3 mil até R$ 7 mil. Por isso, eles estão entre as raças mais caras desta lista.

Dachshund ou Salsichinha

Dachshund preto com focinho marrom em parque
Dachshund preto com focinho marrom em parque – Crédito da foto: Freepik

O nome Dachshund pode ser bem difícil de pronunciar, mas calma: é do famoso “Salsichinha” que estamos falando. Agora você reconheceu, certo?

Inicialmente, eles eram utilizados pelos humanos como cães de caça. Isso porque o Dachshund costuma ser bastante independente, protetor e valente. No entanto, eles deixaram essas atividades na sua história antiga e se transformaram em animais de companhia. Ou seja, atualmente eles são ótimos animais de estimação e companheiros maravilhosos.

Essa raça é super indicada para famílias que moram em apartamentos ou em casas pequenas. Isso porque eles se adaptam rapidamente a espaços mais apertados, aprendem super rápido sobre hábitos de higiene e não são cães que tendem a roer e destruir móveis e outros objetos quando deixados sozinhos. Mas aqui cabe uma ressalva: os filhotes machos podem ser bem destruidores, por isso a castração é bastante importante para eles.

Originários da Alemanha, eles tem um grupo próprio na FCI (Federal Cinológica Internacional, órgão que estuda e classifica os cães) não sendo considerados subfamília de nenhum outro grupo. Isso porque eles possuem entre si uma grande variedade de tamanhos (standard, miniatura e kaninchen) e de pelagem (longo, liso e duro).

Sendo provavelmente a maior raça desta lista, os cães Salsichinhas maiores podem chegar a cerca de 35 cm de altura.

São lindos, não é? Se você quiser comprar um filhote, você pode encontrá-los facilmente para venda no Brasil. Os valores variam de R$ 1200 até R$ 3500, a depender do local de compra.

Lulu da Pomerânia ou Spitz Alemão Anão

Spitz alemão anão ou lulu da pomerânia menores raças de cachorros
Spitz alemão anão ou lulu da pomerânia com língua de fora em fundo laranja – Crédito da foto: Freepik

O Spitz alemão anão também é amplamente conhecido como Lulu da Pomerânia. Ele também faz parte do “clubinho” dos pequeninos e peludinhos, são umas lindezas, não é mesmo?

Mas vale destacar que essa não é uma boa ideia para aqueles tutores que querem um cãozinho para ficar dando carinho o tempo todo. Isso porque ele não é muito carente (bem diferente de boa parte das raças listadas aqui), e tem uma personalidade forte que exige muitas brincadeiras para o manter estimulado.

O Lulu da Pomerânia é super corajoso, inteligente e bastante territorial. Por isso, é fácil de o treinar, e também muito importante. Justamente devido a esta personalidade forte, é comum que cães dessa raça desenvolvam o hábito de latir excessivamente e de apresentar comportamentos agressivos com outros pets.

O Spitz alemão anão está na lista das menores raças do mundo porque um cão adulto dessa raça dificilmente alcançará 20 cm de altura.

Ah, e sua pelagem é um charme à parte. Sendo considerado um dos cães com maior variedade de pelagem do mundo, eles podem apresentar até 18 cores/tons diferentes. Mas tanto pelo tem um preço, não é mesmo? Assim como no caso do Lhasa apso, Yorkshire ou Shih tzu, com ele você também precisará ficar atento às tosas e às escovações regulares.

Mesmo com personalidade forte, eles também são gentis e doces. Por isso, podem ser excelentes companheiros para famílias com crianças. No entanto, vale destacar que ele é sociável com crianças quando estas são apresentadas à ele ainda quando filhote. Apresentar crianças para ele depois de adulto pode ser um problema bastante grande, devido ao territorialismo dele.

Quanto custa um Lulu da Pomerânia?

O Spitz alemão anão não raramente está presente entre as raças mais caras do mundo. Isso acontece porque o seu preço (considerando um filhote) é realmente salgado.

O preço para compra de um filhote varia de R$ 1500 até cerca de R$ 13 mil, a depender da linhagem, pedigree e local de compra.

Ah, e você sabia que o cachorro mais fofo do mundo é um Lulu da Pomerânia?

Pequinês

O Pequinês é uma raça muito antiga de cachorros do tipo miniatura. Eles têm sua origem remontada até a China antiga, sendo um dos poucos cães desta lista de origem oriental (junto com o Chin japonês).

Reza uma antiquíssima lenda que essa raça é resultado de um amor impossível entre um leão e uma macaca pequenina.

Eles são bastante sensíveis ao calor. Por isso, são cachorros mais indicados para famílias que vivem em regiões com clima mais ameno ou que desejem manter seu pet dentro de casa/apartamento.

Eles também são muito carinhosos, independentes, altivos e inteligentes. No entanto, eles podem ser bem teimosos e agressivos em alguns momentos. Por isso, é fundamental que eles sejam adestrados corretamente.

Ah, e eles estão presentes na lista das menores raças do mundo porque um adulto dificilmente chega aos 22 cm de altura.

Um filhote de Pequinês pode custar entre R$ 500 e R$ 2 mil, a depender do local de compra.

Pequeno Cão Russo ou Russian toy terrier

3 cães Russian toy terrier em fundo branco menores raças de cachorros
3 cães Russian toy terrier em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

É bem provável que você nunca tenha ouvido falar do Russian Toy Terrier. Isso porque eles são bem raros, bem raros mesmo. Inclusive, até os anos 1990 eles basicamente não eram conhecidos por ninguém fora da Rússia. No entanto, lá na Rússia eles já eram e ainda são super populares.

Eles estão nesta lista das menores raças de cachorros do mundo porque a altura máxima a que alcançam é 25 cm, e isso quando adultos. Mas há também aqueles que quase não chegam aos seus 20 cm de altura, tornando-os ainda menores.

Assim como no caso dos Salsichinhas, os Russian Toy Terrier também tem duas versões distintas de pelagem: curta ou longa.

Obviamente você já entendeu que sua origem é russa, certo? E você sabia que eles foram criados para atuarem como caçadores de ratos? Inclusive, eles eram muito bons nisso. Mas já faz tempo que são usados como cães de companhia, ou seja, como animais de estimação.

Enérgicos e com muita personalidade, essa raça pode ser bastante vocal. O que significa que ele pode fazer tanto barulho quanto um Pinscher ou Chihuahua, latindo às vezes até demais. Por isso, os seus futuros tutores precisam refletir se realmente terão paciência com um bichinho lindo desses, mas tão enérgico.

Esta raça é tão rara que é difícil localizar lugares que vendam seus filhotes no país. Por isso, não há como mensurar o valor de um filhote em real. Para aqueles que estão realmente interessados, o ideal é buscar por canis internacionais que tragam eles diretamente da Rússia. Mas é claro que essa decisão fará os custos aumentarem não somente pelo pagamento ocorrer em moeda estrangeira, mas também pelos gastos de deslocamento do pet.

Chihuahua

Chihuahua deitado em fundo cor de rosa menores raças de cachorros
Chihuahua deitado em fundo cor de rosa – Crédito da foto: Freepik

A raça Chihuahua é considerada a menor do mundo. Isso porque é raro encontrarmos cães dessa raça adultos com mais que 20 cm de altura. Eles são bem pequenos mesmo, não é mesmo?

Devido a este tamanho diminuto, eles são excelentes para quem mora em apartamento ou em casas apertadinhas. Claro que com dimensões tão pequenas, os Chihuahuas se adaptam bem a espaços pequenos.

No entanto, é importantíssimo destacar que eles têm muita, mas muita energia. Alguns tutores de Chihuahuas brincam dizendo que falta espaço pra tanta energia. Isso quer dizer que eles precisam ser estimulados com frequência para não acumularem energia demais.

Essa é uma raça bastante antiga, e apesar de não termos muitos dados sobre sua história é de conhecimento público que sua origem é mexicana. Muitos historiadores e estudiosos de cães acreditam que algumas pinturas encontradas no México com idade aproximada de 300 a.C. apresentam algum antepassado do Chihuahua moderno, que é este conhecido por nós na atualidade.

Variações do Chihuahua e sua relação com crianças

Existem algumas variações entre os Chihuahas, fazendo-os serem bem distintos entre si. Por exemplo:

  • Pelos longos ou curtos
  • Pelagem lisa ou crespa
  • Variação grande de cores da pelagem
  • Formatos de cabeça diferentes, em forma de maçã ou de cervo

De modo geral, os cães dessa raça tendem a se identificarem e passam a se dedicar a apenas uma pessoa. O tutor escolhido pelo cão passa a ser protegido por ele. Por isso, pode ser bastante difícil incluir o cãozinho em uma família com crianças.

No entanto, isso não quer dizer que ele não possa ser um bom companheiro para a família. Mas para isso a paciência com seu treinamento pode exigir bastante dos tutores que o escolherem para mascote.

O preço de um filhote de Chihuahua pode variar de R$ 1500 até R$ 3500, a depender do local de compra.

Beagle

Filhote de Beagle em fundo azul
Filhote de Beagle em fundo azul – Crédito da foto: Freepik

O Beagle é uma raça de cães de pequeno à médio porte, estando na transição entre os dois portes. Por isso, os tutores que compram um filhotinho de Beagle podem ter uma noção, mas não tem bem certeza do tamanho que ele atingirá quando adulto.

Ele é originário do Reino Unido. Os pesquisadores não conseguem precisar com exatidão o ano de surgimento dessa raça, mas já foi descoberto que eles eram utilizados na caça de lebres e viados. Essas atividades de caça ocorriam principalmente nas regiões rurais da Inglaterra.

A variação de tamanho foi um dos fatores que permitiu a popularização da raça em todo o continente europeu. Na sua época de maior disseminação, os mais buscados eram os Pockets Beagle e os Beagles de bolso. Essas versões pequeninas do Beagle eram uma verdadeira paixão para a Rainha Elizabeth I (Inglaterra), que chegou a ter vários ao mesmo tempo.

Provavelmente o Beagle mais popular da história tenha sido o personagem Snoopy. O personagem de desenhos animados e quadrinhos foi criado por Charles Schulz e é popular até hoje.

Com um talento acentuado para a prática de farejar, eles são muito utilizados em aeroportos como farejadores. O Beagle consegue detectar com relativa facilidade passageiros com armas, drogas ilícitas ou outros itens proibidos.

E a personalidade do Beagle?

Amável, inteligente, gentil e determinado, o Beagle está entre as raças mais populares nos Estados Unidos e na Europa. Aqui no Brasil, ele não participa do top 10, mas está entre as 15 raças mais populares. Tendo em vista a quantia de raças caninas, o Beagle é considerado uma das raças mais populares entre os brasileiros.

A sua popularidade foi conquistada principalmente por sua personalidade. Isso porque eles são realmente muito dóceis, carinhosos e companheiros. Não é à toa, o Beagle é considerado o cão ideal tanto para famílias com crianças, quanto por idosos ou por adultos que vivem sozinhos e querem companhia. Seu companheirismo é de emociar, e sua doçura encanta.

Um pouco maior que as outras raças listadas aqui, um Beagle adulto por atingir até 38 cm de altura. Mas é claro que esses casos são aqueles considerados “maiores”. Os Beagles menores costumam ter cerca de 30 cm de altura.

Eles são encantadores, companheiros e dóceis e, por isso, são muito procurados. Não é difícil encontrar locais com filhotes de Beagle para a venda. No entanto, é preciso tomar muito cuidado. Isso porque o Beagle é talvez a raça desta lista com maior variação de preços. Um filhotinho pode custar de R$ 500 até R$ 13 mil, a depender do pedigree e local de compra.

Fox Paulistinha ou Terrier Brasileiro

Terrier brasileiro ou Fox paulistinha em fundo branco
Terrier brasileiro ou Fox paulistinha em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Como você deve imaginar, o Terrier brasileiro é uma raça canina do tipo Terrier. Assim como o Beagle, seu porte varia de pequeno à médio. E, é claro: a sua origem é brasileira.

O Fox paulistinha não é muito conhecido, justamente por não conhecermos em profundidade as raças brasileiras. No entanto, ele certamente já foi visto por você (mesmo que você nem saiba). Isso porque alguns cães modelos dessa raça já foram usados em comerciais de TV e em novelas. Por exemplo:

  • Como cão-propaganda dos Correios;
  • Em novelas, como Balacobaco e Amor à Vida.

Ele é conhecido por sua lealdade e seu companheirismo, muito parecido com o Beagle. O Fox paulistinha se apega rapidamente ao seu tutor, e vira seu verdadeiro protetor.

Origem do Fox paulistinha

A teoria mais aceita sobre sua história remonta ao século XIX. Diz-se que ele é a mistura de cães do interior de São Paulo com pequenos cães do tipo Terrier que eram trazidos da Europa por jovens estudantes brasileiros que voltavam para o Brasil depois de estudarem em universidades europeias. O cruzamento entre esses Terrier pequenos europeus e os cães já existentes no Brasil (como o Chihuahua) teria originado o Terrier brasileiro.

Os estudiosos acreditam que as duas raças mais presentes na ascendencia do Terrier brasileiro são Fox Terrier e Jack Russel Terrier.

Mesmo tendo ficado popularmente conhecido como Fox paulistinha, esse nome é exclusivo no estado de São Paulo. No interior de Minas Gerais, ele é chamado de Foquinho. E no Rio Grande do Sul é conhecido somente como Fox.

Os maiores dessa raça podem alcançar no máximo 40 cm de altura, quando adultos.

Gostou dele? Achou um mimo também? O valor de um filhote varia de R$ 1500 até R$ 3 mil, a depender do local de compra.

Bichon Frisé

Filhote de Bichon Frise em fundo preto
Filhote de Bichon Frise em fundo preto – Crédito da foto: Freepik

Muito confundida com o Poodle, a raça canina Bichon Frisé também é perfeita para aqueles que amam o combo pequenino e peludinho.

Eles são muito alegres e se apegam rapidamente aos seus tutores. Super dóceis e amigáveis, eles não são muito protetores. Isso porque os cães dessa raça tendem a ver outros pets e pessoas como amigos. Inclusive, eles são perfeitos para famílias. Isso porque o Bichon Frisé se dá muito bem com crianças, com outros pets e com pessoas estranhas. Eles são super afetuosos e estão sempre procurando fazer novas amizades.

O Bichon Frisé adora brincar. Por isso, é muito importante que o seu tutor tenha tempo e condições de promover brincadeiras e atividades com ele. Essas atividades o ajudam a gastar sua energia. Ah, e também é importante destacar que eles podem ser bem “barulhentos” (através de latidos) durante as brincadeiras.

Inteligentíssimos, eles são considerados muito fáceis de serem adestrados. Além disso, é possível ensinar truques aos cães dessa raça sem muita dificuldade. Isso porque eles adoram interagir com os tutores e aprender coisas novas, então ele colabora com o aprendizado. Não à toa, essa é uma das principais raças caninas participantes de competições de obediência e de truques.

Assim como no caso dos outros peludinhos aqui da lista das menores raças do mundo, a pelagem densa do Bichon Frisé requer cuidados especiais e regulares. E aqui vale destacar que diferente de outras raças, estes daqui sempre são brancos. Ou seja, acrescente um tempinho reservado para banhos e limpezas regulares na pelagem dele.

História do Bichon Frisé

A sua história é um pouco incerta, mas estima-se que ele venha da região da França. Isso porque eles eram os animais de estimação de um rei francês chamado Francisco I e do seu sucessor, Henrique III. Estes reis viveram no século XV, que é a época mais antiga a que temos acesso na história da raça.

Por muito tempo (estima-se que alguns séculos inteiros), os cães dessa raça eram amados por pessoas poderosíssimas. Por isso, o Bichon Frisé foi por séculos um símbolo de nobreza. Isso porque eles eram animais de estimação exclusivos da aristocracia. Posteriormente, eles passaram a ser utilizados como moeda de troca entre marinheiros (isso tudo devido ao sucesso que faziam na comunidade).

Os pesquisadores acreditam que o Bichon Frisé é resultado de uma série de cruzamentos. As raças aparentemente mais presentes na genética deles é a Water Spaniel e Poodle.

Os Bichon Frisé maiores atingem no máximo 30 cm de altura. Por isso, o seu lugar aqui na lista das menores raças de cães está reservado.

Se apaixonou e quer levar um pra casa? Então certamente essa informação vai te interessar: Mesmo não sendo tão popular quando o Poodle, é relativamente fácil encontrar um canil com filhotes de Bichon Frisé para venda e o valor do filhote é cerca de R$ 2 mil.

Basset Hound

Basset hound em fundo branco menores raças de cães
Basset hound em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

O Basset Hound é uma raça canina com origem na França. Eles são uma subfamília do grupo Hound/Sabujos.

Sua origem remonta aos monges da idade média, que os treinavam e usavam para caças a pé. Muito famosos como caçadores, os cães Basset Hound se popularizaram devido ao seu faro aguçado. Estima-se que somente os Bloodhound, também conhecidos como Cão-de-Santo-Humberto, tenham um faro tão aguçado quanto eles.

Eles tendem a ser persistentes, afetuosos, dedicados aos tutores, dóceis e gentis. Resumindo, são cachorros tranquilos e muito sociáveis. Exatamente por isso, eles são ótimos para famílias com outros pets ou crianças. O Basset Hound é uma raça canina que se dá muito bem com estranhos, com crianças e com pets, pois adora fazer amizades.

Assim como o Beagle, esta raça está na transição do porte pequeno para o porte médio. Isso porque os maiores cães Basset Hound chegam a alcançar 35 cm de altura.

Eles são lindos e são super companheiros, e você certamente se apaixonou, não é? Pois saiba que essa é uma das raças mais baratas aqui da lista. Isso porque um filhote Basset Hound custa entre R$ 600 até R$ 2500, a depender do local de compra.

Shiba Inu

Shiba inu sentado em cadeira branca
Shiba inu sentado em cadeira branca – Crédito da foto: Freepik

O Shiba inu é parente e descendente da famosa Akita inu, eternizada no lindo filme Sempre ao Seu Lado.

Assim como a Akita, o Shiba inu é uma raça oriental, oriunda do Japão. No Brasil essa raça é rara e pouco conhecida, mas no Japão eles são muito populares e queridos.

Eles são companheiros e adoram passear, principalmente acompanhados de seus adorados tutores. Tal como o Beagle e Basset Hound, eles são ideais para quem quer um cão não tão pequeno e nem muito grande, pois estão na transição do porte pequeno para médio. Um Shiba inu adulto alcança no máximo 43 cm de altura, sendo o mais alto desta lista.

Mesmo com alguns centímetros a mais na altura, eles se adaptam bem em ambientes restritos. Por isso, é possível ter um desses em uma casa pequena ou em um apartamento.

A verdade é que eles são encantadores, espertos, destemidos e muito fiéis aos seus tutores. Não é à toa que estejam entre as raças mais amadas do seu país de origem.

Muito companheiros, essa raça é bastante protetora. Por isso, é bem importante que eles sejam apresentados às crianças da família desde filhotes. Com esse cuidado, a convivência entre ele e as crianças é tranquila e eles podem ser grandes amigos.

Ele é lindo, não é mesmo? Se você gostou e quer levar um pra casa, saiba que eles são muito mais difíceis de serem encontrados que seu parente Akita inu. No entanto, é possível localizar canis com filhotes dessa raça para venda. Infelizmente, eles estão entre os cães mais caros aqui da lista, custando entre R$ 4 mil até R$ 7 mil, a depender do local de compra.

Cavalier King Charles Spaniel

Cavalier king charles marrom deitado em fundo branco menores raças de cães
Cavalier king charles marrom deitado em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

O Cavalier King Charles Spaniel (ou somente Cavalier King) é mais uma raça pro clubinho dos pequeninos e peludinhos.

No entanto, a pelagem dele não é tão longa e densa. Isso quer dizer que é muito difícil que seu rosto e corpo sejam totalmente tomados pelo pelo. Por isso, também é muito mais fácil lidar com seus pelos do que no caso da Lhasa apso, Shih tzu ou Bichon Frisé, por exemplo. Mas é claro que sua pelagem também é toda charmosa e faz toda a diferença, dando um ar diferenciado pra ele.

Eles são super sociáveis, e são também afetuosos, pacientes, brincalhões e adaptáveis. Inclusive, é pela sua grande capacidade de adaptação que ele é mega indicado pra famílias que residem em ambientes pequenos ou que possuem crianças. Sim, ele também está na lista das raças bacanas para se ter com crianças.

Muito amorosos, brincalhões e gentis, eles são perfeitos para se tornarem os companheiros de qualquer criança.

A raça é oriunda do Reino Unido, e eles são descendentes de cães de companhia criados no país desde o tempo dos reis da dinastia Stuart. O Cavalier King cativa pelo seu jeitinho todo calmo e amável. E ele está com seu espaço reservado nesta lista das menores raças de cachorros porque um adulto grande não deve ultrapassar a marca dos 33 cm de altura.

Lindos, encantadores e adoráveis, não é? Caso você tenha se interessado, saiba que um filhote dessa raça pode ser encontrada pra compra por valores que variam de R$ 3500 até R$ 7 mil, sendo também uma das opções mais caras desta lista.

Boston Terrier

Boston terrier preto com branco em fundo branco
Boston terrier preto com branco em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

O Boston terrier é uma raça de cães advinda da cidade de Boston, nos Estados Unidos. Mas isso provavelmente você já tinha deduzido, pelo nome dele, não é? E você sabia também que eles foram originalmente utilizados em combates entre cães e na caça de ratos e outros roedores?

O Boston terrier se popularizou muito nos Estados Unidos por seus bons resultados em rat-baiting. Para aqueles que não sabem, se trata de um “esporte” hiper sangrento. O objetivo era fazer cães matarem ratos colocados a força em uma arena. O cão que matava mais ratos em menos tempo, saía como vencedor.

O Boston terrier é um cão de porte pequeno que transita pro porte médio. Além disso, ele também é considerado “compacto” porque seu pelo e cauda são curtos. Essa definição é feita porque muitos dos cães citados nesta lista são pequenos, mas dão a impressão de serem maiores devido a densidade de sua pelagem.

E a personalidade do Boston terrier?

Um Boston terrier adulto bem “grande” dificilmente alcança os 40 cm de altura. Por isso, ele não poderia ficar de fora desta lista das menores raças de cães.

Inteligentes, amigáveis e fáceis de serem treinados, eles são uma excelente companhia. E aqui vale destacar que o treinamento é um fator fundamental para esses cães. Isso porque eles também gostam bastante de “mastigar as coisas“, sendo chamados algumas vezes de destruidores. Ou seja, treinamento desde pequeno e cuidado para manter objetos importantes longe dele devem ser os mantras de seus tutores.

O Boston terrier é considerada uma das raças mais legais para as famílias. Isso porque eles são maravilhosos com crianças e podem se dar bem com outros pets, desde que socializados adequadamente.

Está adorando essa lindeza? Pois é, eles são maravilhosos mesmo. E saiba que um filhote de Boston terrier pode ser encontrado pra compra com valores que variam de R$ 1500 até R$ 4500.

Esta super lista das menores raças de cães foi útil para você? Você gostou de saber esses detalhes sobre essas criaturinhas lindas e queridas? Então deixe um comentário e compartilhe o conteúdo com seus amigos.

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here