São considerados cães de caça qualquer cachorro que preste assistência aos humanos na atividade de caça de animais. Este tipo de cão é conhecido não somente como “cães de caça”, mas também pelo título de “pegureiro”.

Existe uma grande variedade de classes de cães de caça, por exemplo:

  • Cães de presa
  • Sabujos
  • Cães de aponte

E diversos outros. Por isso, há muitas raças e muitos tipos diferentes de cachorros que podem receber este título de caçadores.

Caçadores que realizam estas atividades na companhia de cães frequentemente relatam sobre a satisfação e habilidades dos cães durante a atividade. De acordo com estes relatos, o cães parecem ficar excepcionalmente felizes com a possibilidade de se exercitarem, se exibirem e compartilharem destes momentos com seus tutores.

Conheça neste artigo tudo que voce precisa saber sobre os cães de caça: suas principais características, raças mais indicadas para a atividade, classificações dos cães e muito mais. Boa leitura!

Características dos cães de caça

Pointer em atividade de corrida com tutor em parque cães de caça
Pointer em atividade de corrida com tutor em parque – Crédito da foto: Freepik

Como mencionado na introdução, existem muitas raças e tipos de cães que se mostraram excepcionais para a atividade de caça. Isso porque há muitas raças diferentes que compartilham de algumas características fundamentais para o bom desempenho neste tipo de atividade.

É claro que muitos deles hoje são considerados cães de companhia. E isso quer dizer que muitos deles podem estar neste exato momento aninhados em sofás. No entanto, basta um passeio no parque para que alguns deles demonstrem um pouco dessas habilidades.

Veja agora algumas das características mais importantes para que os cachorros possam ser considerados cães de caça.

Energia

Desde os primórdios, os cães de caça foram criados para terem uma enorme quantia de energia. Isso porque as caçadas demandam uma enorme energia dos cães. Afinal de contas, eles precisam correr, latir, correr, se comunicar com o tutor, correr, farejar, correr, perseguir, correr, atacar e correr um pouco mais. E vale lembrar que a caçada pode durar várias e várias horas, ou até dias. Haja energia, não é?

Com toda essa energia “guardada”, é muito improvável que você tenha dificuldade no incentivo ao exercício físico. Ou seja, estes cães terão grande facilidade para se exercitarem – e talvez eles busquem a todo momento oportunidades pra se exercitarem.

Além disso, também é bem difícil que você vá ver um cão destes precisando de descanso depois de cinco minutos de brincadeiras. Ao contrário, é provável que você peça um descanso pra ele.

A verdade é que os cães de caça eram acostumados a passar dias caçando ou procurando presas. Por isso, eles não costumam gostar de ficar descansando demais ao longo dos dias. Então, é bom se certificar de que eles passeiem regularmente. Você também pode ajudá-los a gastar energia com brinquedos variados, o que os manterá ocupados.

Infelizmente, cães de caça que não conseguem gastar suas energia de forma suficiente podem trazer vários problemas. Isso porque é muito comum que eles apresentem comportamentos destrutivos quando estão com energia demais.

Treináveis

Lulu da Pomerânia com pata frontal levantada em fundo branco cães de caça
Lulu da Pomerânia com pata frontal levantada em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Os cães de caça também são extremamente inteligentes e respondem muito bem ao treinamento. Isso é fundamental porque nas atividades de caça o cão precisa se comunicar de forma efetiva com seu tutor. Por isso, os cães de caça costumam ter grande facilidade com o adestramento.

Depois de aprenderem um comando, eles estão prontos para ajudar imensamente seus tutores. Alguns dos comandos mais importantes para a caça são, por exemplo: “não”, “fica” e “vem”. E estes comandos são ainda mais importantes quando o cão por alguma razão precisar voltar ao “local de caça”. Isso porque ao retornar ao ambiente ele pode achar que voltará a caçar. Então, o tutor precisará lhe comunicar que não estão mais nesta atividade.

Atualmente, a capacidade de responder a comandos é fundamental para o estabelecimento de uma relação mais confiável entre tutor e pet. Então, ainda que você vá ter um bichinho só para companhia, lembre-se que o adestramento é fundamental.

Faro aguçado

Beagle adulto farejando gramado cães de caça
Beagle adulto farejando gramado – Crédito da foto: Freepik

Nem todos os cães de caça são rapidamente lembrados por sua habilidade de faro. No entanto, ela é sim fundamental para a atividade de caça. Mas então por que nem todos demonstram tão evidentemente essa habilidade? Basicamente, porque eles se tornaram cães de companhia, onde não é mais necessário utilizar tanto seu faro.

No entanto, o faro aguçado é uma característica que traz enormes vantagens aos cães de caça durante as atividades. Isso porque é através dos odores que as presas eram encontradas.

Atualmente, a incrível capacidade de faro destes cães faz com que os tutores tenham grande dificuldade de esconder alguns “segredos” dos seus pets. Por exemplo:

Então, é sempre bom estar atento para guardar seus biscoitos em lugares de difícil acesso a ele, ok?

Coragem

Os cães de caça precisavam se manter calmos a todo instante. E nem sempre é fácil ficar calmo quando se vê na frente de um animal selvagem e perigoso, não é? Por isso, os cães de caça desenvolveram uma enorme coragem. Essa coragem permitia que os cães permanecessem calmos durante toda a caçada, incluindo o momento de se deparar com suas presas.

E por falar em coragem, você sabia que uma das características utilizadas para definição dos melhores cães de caça era justamente a sua coragem?

É provavelmente por isso que mesmo hoje estes cães exploram tudo a sua volta durante os passeios. Durante as saídas, eles costumam demonstrar grande desejo de ver e farejar tudo, de se aproximar de tudo e de conhecer o mundo todo. Então, é bom sempre lembrar de levar uma dose extra de paciência ao ir caminhar com eles, ok?

Categorias de cães de caça

Cachorro bernese schweizer laufhund cães de caça
Cachorro bernese schweizer laufhund deitado em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Descendentes dos lobos, há muitos cães que foram destinados para a atividade da caça. E, inclusive, muitos são também os tipos de presas para caçadas com cães: desde animais pequenos como roedores e gatos até animais selvagens e grandes, como leopardos, elefantes e onças.

As principais categorias de cães de caça incluem os seguintes tipos:

  • Hounds
  • Terriers
  • Cães de aponte
  • Cães de agarre

Dentro destas categorias, existem algumas subdivisões. As subdivisões foram criadas levando-se em conta as principais habilidades e as funções do cachorro ou de sua raça.

Entenda melhor estas subdivisões, os tipos de cães de caça e as habilidades específicas de cada tipo.

Hounds

Basset hound na praia cães de caça
Basset hound adulto deitado na praia – Crédito da foto: Freepik

Os cães tipo Hound possuem duas subdivisões: lébrel e sabujo.

Os cães do tipo lébreis também são conhecidos pelo título de galgos. Eles costumam ter estrutura corporal bastante leves. Essa leveza ajuda na agilidade dos cães. Por isso, não raramente os lébreis são lembrados quando falamos de cães velozes e atléticos.

Esse tipo de cães de caça não tem um faro tão aguçado quanto alguns de seus companheiros, de modo que a caçada costuma ocorrer mais através da visão. Por isso, muitos caçadores consideram os lébreis pouco interessantes para a caça, afirmando que eles se dão melhor em competições atléticas.

Entretanto, os sabujos são cães também categorizados como hounds bastante diferentes. Estes, sim, possuem um faro muito aguçado. Por essa razão, a atividade de caça com eles costumam ocorrer basicamente através do faro.

Inclusive, você sabia que os cães com faro mais aguçados são do tipo sabujo? Na verdade, não é somente entre cães este título. Isso porque os cães do tipo sabujo são lembrados pelo faro mesmo quando comparados com outros caninos.

Gun dogs

Pointer alemão adulto deitado em fundo branco cães de caça
Pointer alemão adulto deitado em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Os cães categorizados como Gun dogs possuem quatro principais subdivisões, sendo elas:

Conheça melhor cada um deles, e veja quais as principais habilidades de cada subtipo.

Bracos e Pointers, ou Cães de aponte

Os cães de aponte recebem este nome devido a função que desempenham como cães de caça. O nome é dado porque eles são treinados para localizar a presa e apontar a localização ao caçador.

Ou seja, eles não se aproximam e não atacam a presa. Isso porque eles somente localizam e comunicam ao caçador o local onde a presa se encontra. De modo geral, estes cães são treinados para a caça de animais pequenos.

Quando encontram a localização da presa, eles “congelam” em uma posição que demonstre a direção que o caçador deve seguir. Essa estratégia de se manter distante faz com que a caça não seja espantada. Por isso, estes cães são excepcionais na atividade de caça (já que a presa não sabe que foi localizada).

Spaniels

Cocker spaniel adulto deitado em gramado
Cocker spaniel adulto deitado em gramado – Crédito da foto: Freepik

Os cães tipo Spaniel foram amplamente utilizados em caçadas por centenas e mais centenas de anos. A popularidade nesta atividade, fez com que as raças deste tipo acabassem por se tornar alguns dos cães mais populares de todo o mundo.

Por isso, eles passaram por diversos cruzamentos ao longo de sua história. Estes cruzamentos seletivos refinou muito as habilidades de caça dos Spaniels, e também os tornou menores em porte. Menores, eles também se popularizaram como cães de companhia e de família.

Assim como os Pointer, eles são usados para a localização da presa. No entanto, eles não somente localizam a apontam o local da presa. Isso porque eles também interagem com a presa.

Lembra que os cães de apontam ficavam longe das presas? Então, os Spaniels chegam bem perto das presas e as espantam, de modo que elas corram na direção do caçador.

Setters

Setter inglês com língua de fora deitado em grama
Setter inglês com língua de fora deitado em grama – Crédito da foto: Freepik

Eles tem uma história longa como perdigueiros de planalto. Por isso, eles são comumente lembrados por suas habilidades na caça de pássaros.

Os cães do tipo Setter tem uma habilidade excepcional para a descoberta e apontamento de pássaros de planaltos. Assim, quando o caçador se aproxima o cão espanta os pássaros. E, é claro, é com este “espantar” que os pássaros são abatidos (durante o início do voo).

Ou seja, a fama destes animais veio devido as suas habilidades excepcionais na caçada de aves. As principais aves caçadas por estes cães são, por exemplo:

  • Codorna
  • Faisão
  • Perdiz
  • Gansos

Existem várias raças de cães do tipo setter, sendo as mais famosas:

Retrievers

Cão retriever adulto mostrando os dentes
Golden retriever adulto mostrando os dentes – Crédito da foto: Freepik

A principal função dos cães de caça tipo Retrievers na caçada é encontrar e levar a presa abatida até o caçador. Por isso, eles estão acostumados a ficarem por longas horas na espreita, aguardando o momento de agir.

Depois que o caçador atirou nos seus alvos, estes cães conseguem acessar através de suas memórias visuais os locais exatos onde os animais foram abatidos. Ou seja, estes cães possuem uma habilidade de memória fotográfica/visual surpreendente. E é claro que isso os ajuda a voltarem nos locais exatos para resgatar as presas feridas.

As principais presas deste tipo de caçada são patos, gansos e pássaros. De modo que os cães de caça Retrievers ficaram famosos por suas habilidades na caçada de aves.

Com um único comando de seus tutores, eles mergulham em águas geladas, nadam e retornam com as aves uma por uma. Muito inteligentes, estes cães compreendem e seguem comandos verbais, gestuais (com as mãos) ou assobios.

De modo geral, os cachorros desta categoria possuem focinhos grandes e suaves. Este tipo de focinho alivia qualquer dano potencial que a presa tenha sofrido.

O Golden Retriever e o Labrador Retriever são talvez as duas raças desta categoria mais conhecidas e populares. Atualmente, elas são consideradas excelentes animais de estimação, mesmo mantendo suas habilidades de caça intactas.

Terriers

Jack terrier russel preto com branco deitado em fundo branco cães de caça
Jack terrier russel preto com branco deitado em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Todos os portes de terriers são considerados excelentes cães de caça. No entanto, é importante ressaltar que este subtipo canino atuou exclusivamente na caçada de outros mamíferos.

Os cães terriers foram amplamente utilizados como caçadores tendo como principal função localizar a toca do animal alvo. Uma vez que eles tenham encontrado o local, eles capturavam a presa ou a matavam. Naturalmente, essa decisão precisava ser tomada pelo tutor, que deveria instruir o animal em relação ao que fazer quando localizasse a presa.

A maior parte dos animais caçados por cães do tipo terrier são pragas. Por isso, estes são talvez os cães de caça que mais rapidamente se popularizaram entre as famílias urbanas. Afinal, eles se mostraram desde o princípio excelentes companheiros e caçadores de ratos e outros roedores exímios.

Por exemplo, você sabia que o Airedale Terrier ficou amplamente conhecido por suas habilidades de caçar ratões do banhado na Inglaterra? E você sabia que o famoso e querido Yorkshire Terrier era um espetáculo caçando roedores em toda a Europa ocidental?

Cães de presa, cães de agarre ou catch dog

Dogo argentino filhote de perfil
Dogo argentino filhote de perfil – Crédito da foto: Freepik

Os cães de presa são também conhecidos como cães de agarre ou como catch dog. Uma característica compartilhada entre os cães deste subgênero é a força da mandíbula e a coragem deles. Além disso, todos os cães desta categoria possuem porte médio ou grande.

Estes animais são responsáveis por capturar e segurar a caça até que o humano finalize a presa. Por isso, a força de sua mandíbula é essencial, uma vez que é com a boca que o cão “segura” as presas.

De modo geral, estes cães entram em ação depois do animal já ter sido localizado por um cão do tipo farejador, como um Beagle, um Bloodhound ou um Basset hound.

O Dogo Argentino é uma raça canina que exemplifica muito bem como são os cães de caça que desempenham esta função. Isso porque esta raça foi criada especificamente para auxiliar os humanos nas caçadas a javalis, na Argentina.

O Alano Espanhol e o American Pit Bull Terrier também são outras raças de cães de caça amplamente usadas como cães de presa.

Raças famosas de cães de caça

Ao longo deste conteúdo você já conheceu uma série grande de raças de cães de caças, não é? Mas talvez você queira saber um pouco mais sobre algumas destas raças. Se este for o caso, veja a seguir algumas informações adicionais sobre algumas das raças caninas mais lembradas quando o assunto é caça.

Labrador Retriever

Família feliz com seu labrador retriever em dia ensolarado
Família feliz com seu labrador retriever em dia ensolarado – Crédito da foto: Freepik

A energia, a inteligência acima da média e a incrível habilidade como nadador faz do Labrador Retriever uma das raças caninas mais lembradas quando o assunto é cães de caça. Por isso, mesmo com tantas outras opções, eles seguem sendo um dos cães mais indicados para este tipo de atividade.

E é justamente por toda essa história e por estas habilidades que eles adoram impressionar seus tutores nos passeios. Não raramente, estes cães mostram com destreza suas habilidades de apanhar coisas nas brincadeiras e nos parques.

Não é à toa que as brincadeiras envolvendo buscar bolinhas e outros objetos são tão amadas por eles. Isso porque era exatamente esta a habilidade que eles demonstravam ter quando precisavam abocanhar pombos, patos e outros pássaros.

Mas não é somente isso que impressiona no Labrador Retriever. Além destas habilidades atléticas, eles também surpreendem pela sua conhecida “dentada suave”. A dentada suave é o nome dado à incrível habilidade que eles têm de segurar e transportar com delicadeza objetos sensíveis sem os danificar.

Vale lembrarmos que esta dentada suave era justamente o que por vezes o distinguiu de seus colegas caninos caçadores. Isso porque o Labrador Retriever se incumbia de transportar as presas até o seu tutor sem machucar ou destruir o animal.

Com apenas um pouco de treino, eles cães conseguirão aprender a controlar a força de seus maxilares.

Beagle

Beagle adulto de perfil em fundo verde desfocado cães de caça farejadores
Beagle adulto de perfil em fundo verde desfocado – Crédito da foto: Freepik

Não raramente, as pessoas se surpreendem ao saber que o Beagle tem uma história significativa com esta função de caça. No entanto, o Beagle não somente é excelente em caça, como também foi a partir desta função que a própria raça de originou.

Com as patinhas curtas, as orelhas longas e o corpo aparentemente tão pesado pra patas tão pequenas, eles podem não parecer heróis e caçadores. Mas basta conhecer um Beagle um pouquinho melhor pra entender porque eles se popularizaram nesta atividade.

Valentes, companheiros leais, obedientes e excelentes farejadores, os Beagles são considerados um dos melhores cães de caça do mundo. As principais presas deles costumavam ser:

  • Coelhos
  • Raposas
  • Gansos
  • Marrecos
  • Veados pequenos

Ou seja, eles atuavam muito bem na caça de quaisquer animais silvestres de porte médio ou pequeno. Do tipo hound, o Beagle sempre atuou como farejadores na caçada. Não à toa, eles seguem sendo muito cobiçados e valorizados como cães farejadores, mesmo que hoje atuem na polícia e em aeroportos.

O ladrar peculiar destes cães vai os tornar muito eficientes no quesito de segurança. E a natureza vocal do Beagle o deixará tranquilo por saber onde ele se encontra, mesmo quando ele se afaste farejando algo nas redondezas.

Pointer

Pointer alemão adulto em fundo branco
Pointer alemão adulto em fundo branco – Crédito da foto: Freepik

Inegavelmente, os Pointer se destacam no universo das raças de cães de caça. O próprio nome da raça tem associação com a função de “apontar” a direção de onde a presa está. No entanto, as belezas e maravilhas destes cães maravilhosos ultrapassam em muito as suas aptidões de caça. Por isso, os Pointer tem muito pra mostrar aos seus tutores e famílias, para além das habilidades de caçadores.

Estes cães amam de verdade a vida em família, e se dedicam aos seus tutores queridos. Eles se dão muito bem com todo tipo de gente, e são amigáveis e muito afetivos. Os Pointer gostam de fazer novos amigos, por isso se dão super bem com desconhecidos também. Então, eles são super indicados para famílias grandes, ou pessoas que gostam de receber visitas.

Além disso, estes cães ficam felizes com todas as atividades que você propor. Tanto faz para eles se vão brincar de buscar um objeto ou se vão apenas ficar quietos e juntos. O importante para ele é poder ter a companhia de quem eles amam.

Eles adoram reuniões de família, e como eles se dão bem com pessoas, eles acabam sendo excelentes companheiros. Os Pointer são muito indicados mesmo para famílias com crianças.

Bloodhound

Bloodhound adulto em treinamento para cão policial cães de caça
Bloodhound adulto em treinamento para cão policial – Crédito da foto: Freepik

Os Bloodhounds são os queridinhos dos policiais, sendo a principal raça quando falamos de cães policiais. E isso não à toa, afinal, eles têm uma enorme capacidade de descobrir e localizar coisas escondidas através de seu faro. Exatamente por isso eles também são excelentes cães de caça.

O faro desta raça já garantiu premiações em diversas competições a cães da raça Bloodhound. E você sabia que no meio policial o olfato destes cães é considerado quase lendário?

Mas estes cães não são somente excelentes farejadores. Não mesmo. Os Bloodhounds também são cães de família muito queridos e muito afetuosos. Por isso, eles são companheiros amáveis e queridos para quem quer somente um pet pra amar e brincar.

Irish Setter, ou Setter Irlandês

Setter irlandês vermelho deitado no parque Foto gratuita
Setter irlandês vermelho deitado em parque com língua de fora – Crédito da foto: Freepik

O Setter Irlandês tem uma aparência física bastante atípica para cães de caça. Afinal, não são muitos os cães de caça que possuem pelagem abundante e focinho fino e delicado. Mas vale lembrar que a principal função deles na caça era espantar as aves. Ou seja, a densidade da pelagem até ajudava na atividade de assustar as presas.

Esta raça canina possui muita, mas muita energia. Por isso, eles conseguiam ficar horas a fio em atividade sem precisarem parar. Lembra que a energia é justamente uma das habilidades mais importantes para os cães de caça? Então, aqui ela sobra!

Além disso, o Setter Irlandês tem uma natureza amigável, confiável e meiga. Por isso, eles são cães maravilhosos não somente como caçadores, mas também para famílias. Na verdade, a personalidade amável deles os torna um cão de companhia perfeito.

Ao longo de sua história, eles foram conhecidos como cães trabalhadores incansáveis. Isso porque além da grande energia e docilidade, eles também são muito obedientes e respondem bem a comandos. Mas é claro que para alcançar isso eles precisarão ser treinados.

Mesmo que estes cães tenham deixado para trás seus dias de caçadores e hoje sejam cães de famílias, isso não quer dizer que eles esqueceram daqueles tempos. Na verdade, eles seguem sendo super ativos e amam brincar com seus tutores. Por isso, tenha em vista que esta raça demanda bastante tempo em atividades e exercícios físicos.

Gostou deste conteúdo? Ele foi útil, informativo ou divertido para você de alguma forma? Então deixe um comentário e conte o que você achou ou aprendeu com ele. Nós queremos saber a sua opinião. E sobre o que mais você gostaria de ler aqui, no WebCachorros?

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here