Cachorro engasgado? Veja o que fazer nessa situação. Pode ser que ele tenha comido muito rápido ou tentado engolir alguma coisa que não devia.

Sabemos que é muito desesperador ter que lidar com um cachorro engasgado em casa, e muitos donos não sabem o que fazer para resolver a situação.

Por isso, veja abaixo como solucionar esse problema caso aconteça, afinal de contas queremos socorrer o nosso amigo o mais rápido possível, né?

Assim que identificar que seu pet está realmente engasgado, o mais recomendo é levá-lo imediatamente ao veterinário mais próximo.

Porém, você também pode tentar algumas manobras enquanto não chega até o consultório ou caso não haja tempo suficiente.

Se este for o caso, uma opção é ligar para o veterinário para que ele te auxilie nos movimentos.

Ainda assim, é sempre bom saber os procedimentos básicos para ser mais independente nessa situação. Veja abaixo!

Adorable brown and white basenji dog smiling and giving a high five isolated on white Free Photo
Cão Basenji branco e caramelo levanta a patinha. Fundo bege. Crédito da foto: Freepik

O que fazer para ajudar seu animal engasgado

Primeiramente, se o seu cachorro for de porte pequeno, segure-o pelas patas traseiras e levante ele, deixando a cabeça para baixo.

Chacoalhe o animal de maneira delicada e observe se ele consegue expelir o objeto.

Agora, se o seu cão for grande e é impossível suspendê-lo, o procedimento é parecido: você irá segurar as patas de trás e levantá-las, só que mantendo as patas dianteiras no chão. Veja se o objeto é expelido dessa forma.

Caso o animal consiga desengasgar e volte a respirar normalmente, já é um ponto positivo. Porém, mesmo assim, leve-o ao médico para confirmar se ele não raspou a garganta e nem algum órgão interno.

Depois, é só ficar sempre atento ao que seu pet anda xeretando para isso nunca mais acontecer! Cuidado com brinquedos que contenham peças pequenas e que possam se soltar, como brinquedos com “olhinhos” ou outras partes, etc.

Cores do Labrador
Tutora abraçando seu cão – Foto: Freepik

Conheça a manobra de Heimlich

Outro movimento que você pode fazer para ajudar um cachorro engasgado é a chamada manobra de Heimlich, que consiste em “abraçar” alguém por trás e pressionar o abdômen da pessoa, fazendo com que ela expila o que está preso na garganta.

O princípio é o mesmo com os cachorros. Quando seu amigo peludo engasgar, você pode tentar aplicar essa manobra nele também, só tome cuidado com a intensidade da pressão que será feita no abdômen dele, principalmente se for um cão menor que você.

Em segundo lugar, é bom tomar cuidado com as costelas do animal. O cachorro deve estar em pé, com o dorso encostado no seu peito. O recomendado é posicionar os braços abaixo dos ossos.

Como identificar um cachorro engasgado?

Se seu cachorro está tossindo muito como se tivesse engasgado, fique atento! Um dos principais sintomas de quem está engasgado é a tosse.

O cão tosse para conseguir expelir um corpo estranho. Às vezes, eles fazem só um pequeno barulhinho que é menos do que a tosse, mas que deixa claro que há um incômodo na região da cervical.

Mesmo assim, a tosse é a que mais aparece, já que é uma reação involuntária do corpo para ajudar a expulsar o que estiver incomodando ali dentro.

O que fazer com o cachorro engasgado caso a manobra de Heimlich não funcionar?

Caso a manobra de Heimlich não funcionar, o ideal é ir ao médico veterinário o mais rápido possível.

Caso o movimento de aplicar pressão no abdômen do animal não funcione e o engasgo fechar a passagem de ar do cachorro, o ideal é que o veterinário faça a desobstrução.

Se mesmo depois do procedimento, você ainda notar que ele está tossindo, volte ao profissional, porque pode ser que tenha ficado alguma parte do objeto no animal, ou então ele pode ter machucado o esôfago no processo de desobstrução.

O veterinário vai entrar com algum medicamento para aliviar esse sintoma e examinar a situação. Ou ainda pode ser que o objeto saia nas fezes.

Cachorro engasgado
Filhote de cachorro caminha com um ratinho de brinquedo na boca. Fundo branco. Crédito da foto: Freepik

Como prevenir casos de cachorro engasgado em casa?

Muitas vezes, a ansiedade é uma das principais causas de engasgo em cachorros.

Às vezes, eles querem comer tão depressa o alimento que acabam engolindo muito rápido algum pedaço de carne ou comida e acabam se engasgando.

Ou então o cão acaba engolindo muito rápido algum objeto que pegou do dono, e quando ele quer de volta, o pet pode acabar engolindo só para ficar com ele.

Nesse sentido, é fundamental que o tutor ensine seu cão a ser menos ansioso.

Coloque menos ração se ele se engasgar por comer de pressa, ou então use comedouros interativos, isto é, com algum “obstáculo” para que ele coma mais devagar.

Com relação aos objetos, o ideal é ensinar o seu cão a trazer tudo o que pegar para você e soltar na sua mão.

Isso tem que ser um trabalho constante, feito através do adestramento positivo: elogie ele toda vez que ele obedecer e soltar alguma coisa que é sua.

É preciso ter um pouco de paciência, mas é mais seguro para o animal se esse for o caso dele.

Agora que você já sabe tudo sobre cachorro engasgado, veja também:

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here