Afinal de contas, todo mundo adora ver a relação das crianças com a natureza e os animais.

No entanto, é comum que os pais tenham dúvidas sobre adotar um cachorro para criança, acreditando que a relação possa ser prejudicial para as duas partes ou que seja muita responsabilidade para o pequeno.

Mas quais os medos dos pais? Um dos maiores receios das famílias com crianças na hora de adotar um cachorro é a bagunça que o ato pode causar na rotina e na casa.

Além disso, alergias, problemas respiratórios e infecções estão entre as principais preocupações no que diz respeito à saúde quando se trata de dar um cachorro para criança.

Outra questão é se os filhos terão maturidade para respeitar o espaço do pet!

Mas, na verdade, existem vários benefícios entre a interação de ambas as partes, desde que com respeito, amor e empatia.

Veja abaixo quais os benefícios dessa relação tão linda!

Cachorro e criança: Descubra quais os benefícios da interação!
Menino beijando seu cachorro na janela. Crédito da foto: Freepik

Benefícios da interação entre cachorro e criança

Qual é a melhor hora de adotar um pet depois que nasce um bebê? Os benefícios da interação entre cachorro e criança já são conhecidos por muitos papais e mamães.

Entretanto, é comum ter dúvidas sobre a melhor hora para ter um bichinho de estimação e qual raça de cachorro escolher. Você já pensou nisso?

Embora se saiba que o convívio de cachorro e criança, ainda no primeiro ano de vida, ajude a evitar até a asma, é preciso ter cuidado.

Afinal, quando são muito novas, as crianças não sabem como agir e, por vezes, acabam tendo atitudes mais bruscas com o peludo, mesmo que sem querer.

Por isso, é preciso ficar de olho sempre, nunca deixar a criança a sós com o animal, principalmente se for um filhote.

Por outro lado, o cachorrinho também não entende a atitude do pequeno e pode reagir para se defender.

Por isso, por mais benéfica que a amizade entre cachorro e criança seja, é necessário que o adulto fique sempre atento. Afinal, ambos precisarão de ajuda para que possam fortalecer essa amizade, não é?

Veja os benefícios, cuidados e tirem as suas dúvidas sobre cachorros para crianças!

Cachorro e criança: por que essa amizade é importante?

Cachorro e criança: Se você teve a oportunidade de interagir com um pet na infância, provavelmente já sabe quão interessante é a interação com cachorros para criança.

Afinal, além de ter uma companhia para brincar, correr e pular, há diversos benefícios trazidos por esse convívio.

Uma pesquisa publicada no periódico médico JAMA Pediatrics concluiu que cachorro é bom para crianças e ajuda a evitar o desenvolvimento de asma.

Segundo o estudo, os pequenos que interagiram com um cachorrinho no primeiro ano de vida têm uma diminuição de 13% na chance de desenvolver asma.

Já outro estudo, que foi publicado no periódico científico Proceedings of the National Academy of Sciences, mostrou que a interação entre cachorro e criança também reforça a saúde dos pequenos. Além disso, diminui as chances de ele se tornar um adulto que tenha alergias.

Além disso, a verdade é que o cachorro ideal para crianças irá ajudá-las a se movimentarem mais.

Dessa forma, evita a obesidade infantil, incentiva a atividade física e até ajuda no desenvolvimento dos músculos. Muito legal, não é?

Veja alguns dos benefícios cientificamente comprovados de dar um cachorro para criança:

  • desenvolvimento afetivo e educacional acima da média;
  • fortalecimento do sistema imunológico;
  • redução do índice de problemas alérgicos, como asma, bronquite e dermatite crônica;
  • diminuição da ansiedade e do estresse;
  • menor incidência de problemas como sedentarismo e obesidade;
  • melhora do desenvolvimento muscular infantil.

Outro benefício muito citado por especialistas é o estímulo de atitudes mais positivas no dia a dia. Com os cães, as crianças aprendem a ser mais afetivas e solidárias.

Além disso, a companhia canina as prepara para o convívio com outras pessoas, principalmente no ambiente escolar.

 cachorro e criança
Crianças no quintal dando banho no seu cão, Golden Retreiver. Crédito da foto: Freepik

Outros benefícios da amizade entre cachorro e criança

Além de diminuir as chances do desenvolvimento de asma e de alergia, a interação entre cachorro e criança oferece outros benefícios, como, por exemplo:

  • Estimula o cérebro: segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, a interação entre criança e cachorro estimula a formação de sinapses nervosas e o desenvolvimento de habilidades motoras;
  • Socialização e desenvolvimento emocional: a companhia de um peludo também ajuda o pequeno a desenvolver o autocontrole e a capacidade afetiva. Naturalmente, as crianças aprendem a interpretar os sentimentos do outro e a observar as suas expressões;
  • Amigos até no tratamento: crianças doentes, que precisam estar em um tratamento mais agressivo ou até as que têm transtornos físicos e neurológicos se beneficiam tanto da interação com o pet que fazem parte até de metodologias de terapias;
  • Controla o estresse: em períodos mais complicados, as brincadeiras e interações entre criança e cachorro ajudam a combater o estresse. Consequentemente, os pequenos crescem mais saudáveis!

Melhores cães para crianças

Cachorro e criança: Muito se fala em melhores cachorros para crianças, mas a verdade é que se você já tem um pet e o bebê nasce, vai ter que aproximar os dois. Claro que se o peludo for mais impaciente, o cuidado terá que ser maior, pelo menos no início.

Afinal, é comum que a criança puxe a orelha, o rabo ou até bata no bichinho sem saber o que está fazendo. Da mesma forma, se o cachorro não for paciente, ele poderá reagir.

Então, a interação sempre deve acontecer com a supervisão de um adulto. Além disso, a pessoa tem que ficar atenta para não gerar um desconforto no animal com a chegada do bebê.

É comum que, sem querer, com uma criança nova em casa, o animal de estimação acabe recebendo menos atenção. Isso pode prejudicar a aceitação da criança por parte dele. Para evitar, continue seguindo a rotina com o seu animal de estimação.

Raças de cachorros para crianças

Cachorro e criança: Se você for adotar um cão adulto, pergunte a quem está cuidando dele sobre o temperamento. Prefira os brincalhões, que sejam dóceis e pacientes.

Saiba que é possível adotar animais adultos e idosos se acostumar com uma criança – e normalmente, os idosos são bem pacientes com crianças!

Não há nenhum problema quanto a isso, desde que o adulto fique sempre atento e supervisione as brincadeiras.

Já no caso da compra, há alguns cães que são mais pacientes e podem ser uma opção boa para casas com crianças, como:

  • Labrador;
  • Golden Retriever;
  • Pug;
  • Shih Tzu;
  • Yorkshire;
  • Beagles.

Na hora de escolher um companheiro para ela, o mais importante é levar em consideração a personalidade da criança.

Seja qual for a sua escolha, estimule o convívio entre cachorro e criança. Só nunca se esqueça de que nenhum dos dois tem noção real do que pode e do que não pode.

Por isso, não os deixe sozinhos. Fique sempre por perto para que possa orientar a criança quanto ao cuidado e carinho que precisa ter com o pet.

Lembre-se que a responsabilidade é dos adultos, pois as crianças não devem ser as principais responsáveis dos cães, por isso é importante parar e pensar se você vai ter tempo e disposição para cuidar e supervisionar as interações do animal.

Do contrário, tanto o pet quanto o pequeno podem ser prejudicados.

De qualquer forma, conforme seu filho crescer, você poderá começar a dar algumas responsabilidades, como colocar a ração no comedouro e dar água, mas sempre com acompanhamento e supervisão para que o animal tenha todas as suas necessidades atendidas.

 cachorro e criança
Menina brincando com seu cachorro. Crédito da foto: Freepik

Qual a melhor idade para começar a interação entre cachorro e criança?

Cachorro e criança: Não existe idade certa, porém o melhor momento para adotar um cachorro é quando as crianças já desenvolveram maturidade.

E principalmente, coordenação motora para interagir com eles, o que começa a acontecer por volta dos quatro anos de idade.

Por fim, lembre-se de que ao adquirir um cachorrinho, é fundamental garantir uma vida saudável para ele, mantendo a vacinação e os check-ups no veterinário sempre em dia.

Lembre-se também de brincar com ele e sair para passear todos os dias, para que ele gaste energia e fique feliz.

E claro, não se esqueça de comprar tudo o que ele precisa. Veja aqui esse enxoval para cães!

Até a próxima!

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here