Saiba como agir em caso de ataque de cão

U Milena Costa    t 5 de dezembro de 2017


Nós amamos cães, mas não dá pra negar que é possível passar pela situação de encontrar um cão bravo disposto a atacar, afinal são animais e podem atacar por diversos motivos, seja medo, por ter sido criado de forma errada, maus tratos ou outros motivos. Nesse post você vai aprender com agir a um ataque de cão.

Não estamos dizendo que seu cão vai te atacar, mas é possível que um cão que você encontre na rua e por algum motivo se sinta desconfortável com você, resolva atacar. Nesse artigo você entende quais as melhores atitudes numa ocasião dessas.

cão bravo

Sinais de ataque

Um cão bravo disposto a atacar dá sinais, não adianta dizer que algumas raças mordem de surpresa, isso é mito. O cão bravo costuma rosnar e mostrar os dentes, ele mantem o corpo curvo e os pelos do pescoço e do dorso eriçados além de ter o corpo tenso e rígido.

Os sinais acima são de um cão já muito incomodado e decidido a atacar, só esperando um bom motivo, mas se você está andando na rua e vê um cão com o corpo rígido bloqueando a rua e te encarando, esse cão pode estar querendo te atacar.

bravo

O que não fazer

Não corra! Os cães correm muito mais rápido que os humanos, ele vai te alcançar. É claro que se você tiver a chance de entrar numa casa ou algum lugar para se proteger é melhor do que ficar lá, mas não saia correndo em espaços abertos, o cão vai te alcançar.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre porque não se deve manter cães acorrentados

Não faça movimentos bruscos, não comece a gritar ou agitar seus braços e seu corpo, isso vai deixar o cão desconfortável e decidir atacar.

cão correndo

Não fique encarando o cão, olhar o cão nos olhos é para eles um sinal de desafio, se ele se sentir desafiado pode resolver atacar, então tente desviar o olhar, esse é um sinal de submissão e pode fazê-lo desistir atacar.

O que fazer no caso de um possível ataque

Se você viu o cão ao longe e ele parece rígido ou incomodado com sua presença, o ideal é desviar olhar, baixar a cabeça e reduzir a velocidade, mude o caminho para não passar por ele, mas tome cuidado para não dar as costas ao cão, você precisa identificar onde ele está.

cão preparado


Você está cara a cara com um cão que está com sinais de que está bravo e pode te atacar, aqui também é indicado desviar o olhar e baixar a cabeça, fique calmo, não faça movimentos bruscos.

Algumas pessoas andam com um lanche ou marmita na bolsa, se você tiver algo de comer na bolsa, retire bem devagar para não agitar o cão e jogue o que você tiver na direção dele, oferecendo, isso pode distraí-lo enquanto você sai devagar para não chamar a atenção dele e se abriga no lugar mais próximo.

O cão atacou. E agora?

cão preparado

Jogar alguma coisa no cachorro enquanto ele vem correndo pode fazê-lo desistir –lembrando que não encorajamos maus tratos aos animais, essa é uma recomendação apenas em caso de ataque, para se proteger-.

Se ainda assim o cão não desistir, você vai precisar se jogar no chão em posição fetal, proteja pescoço e cabeça com os braços e se encolhendo você protege a barriga. Se tentar lutar com o cão você provavelmente vai perder, pois são animais fortes, o melhor a fazer é se proteger e esperar por ajuda.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como agir em caso de mordida de cão

Ficar em posição fetal e não reagir pode fazer o cão enxergar isso como um sinal de submissão e parar de atacar, reduzir a intensidade da mordida ou até ir embora.

Lembre-se

cão triste

Cães não são animais violentos, determinadas raças também não são cruéis como muitos acreditam, mas cães são animais, e podem vir a atacar. Se você tem um cão, de qualquer porte ou raça, precisa socializa-lo e proporcionar tudo que ele necessita, para evitar que o peludo um dia venha a atacar e para lhe proporcionar uma vida saudável.

Também existe a possibilidade de ser atacado por um cão desconhecido que viva na rua, embora a maioria dos cães de rua que encontramos sejam dóceis, essa possibilidade de ataque ainda existe.

grama

Nunca soubemos de casos de cães que atacaram sem motivo, muitas vezes são por situações traumáticas, cães que sofreram maus tratos, estão com fome, tem medo de pessoas ou de outros cães, não foram bem socializados ou até mesmo de cães que aprenderam nas ruas a impor dominância com violência e estão defendendo seu território.

Cães equilibrados e saudáveis não atacam, por isso os ataques são sempre responsabilidade humana, seja por criar um cão errado e deixa-lo desequilibrado, ou por não conseguirmos resolver o problema dos cães de rua, que é algo muito grave no Brasil.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Populares

Dachshund (Salsicha, Basset, Teckel ou Cofap)

Grupo dos Hounds

Dachshund (Salsicha, Basset, Teckel ou Cofap)

Cavalier King Charles Spaniel

Grupo dos Esportistas

Cavalier King Charles Spaniel

As vacinas para cachorros podem apresentar efeitos colaterais?

Cuidados

As vacinas para cachorros podem apresentar efeitos colaterais?

Os cachorros mais bonitos do mundo

Curiosidades

Os cachorros mais bonitos do mundo

Como Construir uma Casa de Cachorro Ideal

Cuidados

Como Construir uma Casa de Cachorro Ideal

Últimos Artigos

Cães reconhecem raças?

Curiosidades

Cães reconhecem raças?

Dicas para donos de cães iniciantes

Alimentação

Dicas para donos de cães iniciantes

Saiba como agir em caso de ataque de cão

Curiosidades

Saiba como agir em caso de ataque de cão

Saiba mais sobre a síndrome de cachorro pequeno

Dicas

Saiba mais sobre a síndrome de cachorro pequeno

Saiba como educar seu cão para receber visitas

Dicas

Saiba como educar seu cão para receber visitas