cão na praia

Você sabe quais os cuidados no verão que você deve ter com o seu cão? É muito importante que a cada estação do ano o tutor do cão consiga dar atenção aos cuidados mais específicos daquela época. Principalmente em regiões onde essas estações ficam mais nítidas.

Por isso nesse artigo você aprende sobre cuidados no verão com os cães. Afinal a época mais quente está chegando e além de muita diversão, praia e sol, é importante que o pet receba todos os cuidados mais importantes para uma vida tranquila em todas as estações do ano.

Parasitas

Piso certo

Os cães sofrem com parasitas e os tutores também. E é por isso que fazemos de tudo para evitar essas criaturinhas indesejadas. No verão carrapatos e pulgas se proliferam com muito mais facilidade.

Pois as altas temperaturas ajudam a acelerar o processo de nascimento desses bichinhos. Por isso dos cuidados no verão é importante atenção redobrada para a limpeza da casa e para manter o seu peludo protegido com os devidos medicamentos.

A prevenção é a melhor forma de ter mais tranquilidade nesse quesito e ter esses cuidados no verão. Por isso use os medicamentos corretamente e mantenha o ambiente do cão ou a casa no geral bem limpinha, para evitar esse problema.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre sorvete para cães

Calor

Cuidados no verão

Com o verão vem o calor e aí você fica aflito para deixar o cão mais refrescado. Muita gente apela para várias coisas, sendo que algumas podem ajudar e outras podem ser prejudiciais. Entenda algumas coisas que você pode ou não fazer para refrescar seu cãozinho:

  • Tosa

A tosa nem sempre é indicada, para alguns cães ela pode fazer o pelo crescer de forma desajustada. Faltando pelo em algumas partes o até mudando de cor, procure a opinião do seu médico veterinário antes. Infelizmente muitos lugares agem de má fé e indicam a tosa mesmo sem necessidade apenas para lucrar.

  • Sorvete

Depende do sorvete que você está oferecendo. Se for o seu comprado no mercado a ideia é péssima. Se você fez em casa com frutas e iogurte natural ou comprou em um local especializado para animais, a ideia é boa.

Mas vá com calma, nada de encher seu pet de sorvete. É bom que isso seja dado em apenas alguns momentos, para refrescar, mas nunca de forma exagerada, nem todos os dias.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre o que não fazer no banho do cachorro

  • Ar condicionado

Mudança de casa

Se você mora em um local que fica muito quente, ter ar condicionado em casa é uma boa ideia. Não precisa necessariamente deixar ligado o dia todo, sabemos que faz a conta de energia subir muito, mas nos horários mais quentes é uma boa ideia.

Se você tem buldogue ou outro cão braquicefálico o ar condicionado ajuda muito. Pois são cães que não conseguem fazer a troca de calor e podem acabar morrendo devido ao calor excessivo.

  • Banhos

Nada de aumentar a frequência de banhos exageradamente por causa do calor. Para os cães muitos banhos é muito prejudicial, podendo fazer muito mal a pele deles que é mais frágil que a nossa. Um banho por semana já é suficiente.

Passeios

cão passeio

Os passeios devem ser feitos apenas durante os horários mais frescos. Nada de querer sair as 14h quando o chão vai queimar as patinhas do seu cão. Opte por sair antes das 10h da manhã e depois das 16h. Se o chão estiver quente ou você ainda estiver sentindo calor demais, é melhor ficar em casa.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como escolher o piso certo para a segurança do seu cão

Alimentação

A alimentação dos cães não necessariamente precisa mudar, mas eles podem ficar mais preguiçosos nessa época por causa do calor. Então se o cãozinho estiver se exercitando menos então pode ser muito bom que ele coma menos, afinal a alimentação deve ser proporcional a atividade.

Mas para tomar essa decisão é ideal que se consulte o médico veterinário. Faça apenas o que o veterinário responsável que avaliar o caso do seu cão indicar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here