Está pensando em ter um Pitbull filhote? Então veja a seguir quais são os principais cuidados, além de preços e fotos.

Antes de mais nada, saiba que os Pitbulls, apesar da fama de rudes e briguentos, são na realidade muito dóceis e amigáveis. Contrariando o que muitos pensam, essa raça se dá muito bem com crianças inclusive!

Além disso, eles fazem de tudo para agradar o tutor. E mais do que isso, eles estão sempre dispostos a se aventurar e a cuidar de seus donos.

Assim como os adultos, os filhotes de Pitbull são super fofos, sorridentes e brincalhões. Resumindo: uma ótima companhia para a família toda!

Enchem o lar com muito amor e diversão, mas assim como todo filhote exigem certos cuidados, e por isso separamos as melhores dicas para você criá-lo da melhor maneira possível. Confira abaixo!

Pitbull filhote
Pitbull filhote cinza de olhos azuis, sentado em ambiente ao ar livre. Crédito da foto: Freepik

Pitbull filhote – Personalidade e temperamento

Em primeiro lugar, o filhote de Pitbull é realmente uma gracinha! Ele não mede esforços para agradar seus donos, sendo muito obediente e inteligente.

Mesmo com fama de mau, eles são excelentes cuidadores de crianças. Tudo depende de como serão cuidados pelo dono, já que 90% da personalidade do cão é resultado do treinamento do tutor.

Se bem socializado, com muito amor e carinho, ele será um excelente companheiro!

Por isso, não adote o pet caso não tenha disposição e tempo para cuidar dele, ou paciência. Pois com tanta energia e necessidade de atenção, o filhote de Pitbull pode ser destrutivo quando não estimulado físico e mentalmente, descontando em móveis ou objetos.

O Pitbull filhote precisa se manter ocupado

Por causa da mandíbula forte, o Pitbull é um cachorro que gosta muito de mastigar quando está entediado.

Ou seja, é importante mantê-lo ocupado e entretido! Faça muito exercício e brincadeiras com seu cão. Só assim você irá garantir que o crescimento do seu amigo seja saudável e feliz.

Afinal de contas, essa raça é muito ativa e não nega uma boa brincadeira. Aposte em variedade e ensine seu filhote de Pitbull a brincar se divertindo com ele.

Por isso, deixe muitos brinquedos à disposição do filhote, inclusive mastigadores fortes que aguentem sua mandíbula e que não corram o risco de ser engolidos. Essa é uma das maneiras de ocupá-lo, bem como brincar e dar atenção para ele.

Outro fator importante a se pensar é o local de moradia do tutor. O ideal é que o dono não more em apartamento ou em lugares pequenos, com pouco espaço para se locomover.

Ele é um cão de porte médio, muito musculoso e enérgico e, por isso, quando restrito de liberdade, pode ter seu humor e desenvolvimento seriamente afetado.

Ah! Fique atento às regras de onde você mora quando for sair para caminhar com seu cão, uma vez que a legislação de alguns estados só permite a locomoção do Pitbull com focinheira.

Pitbull filhote
Pitbull filhote cinza e branco, deitado em fundo branco. Crédito da foto: Freepik

Pitbull filhote – Socialização

Como vimos acima, é preciso socializar o seu cãozinho desde filhote.

Cães são seres sociáveis, por isso é importante que o pet mantenha contato com o exterior e que seja apresentado constantemente a pessoas para se acostumar.

Por isso, o Pitbull filhote precisa ter contínua interação com parentes do tutor e também com desconhecidos, para que seu temperamento não seja tímido ou agressivo, mas sim calmo e controlado.

Aliás, a socialização não só com humanos é importante, mas também com outros animais, para evitar que o cachorro se torne agressivo com outros bichos quando ficar adulto. O convívio com outros animais se faz essencial!

Por isso, aproveite que o filhote de Pitbull está na fase de aprendizado e ensine-o ao máximo sobre convívio e socialização.

Depois que o seu filhote chegar e estiver confortável em sua caminha e munido de brinquedos, será a hora de começar o adestramento.

Educar seu pet desde os primeiros meses ajudará muito na rotina da família.

Treinar eles não é uma tarefa difícil, pois são muito inteligentes. Além disso, possuem ótima memória e são altamente treináveis.

O cérebro dele absorve todas as informações ensinadas durante o adestramento, mas ele precisa de disciplina e consistência. E, para isso, é importante que tenha treinamento contínuo.

Você pode treiná-lo em casa seguindo algumas técnicas de adestramento, ou então procurar um profissional ou uma escola voltada para isso.

Quer descobrir como adestrar? Veja abaixo!

Pitbull filhote
Pitbull filhote da cor marrom, branco e olhos azuis. Ele está parado, olhando levemente para cima, na natureza. Crédito da foto: Freepik

Como adestrar um filhote Pitbull

O modo que o dono vai se comportar perante o animal é um dos fatores decisivos para que o ele não cresça agressivo, ansioso ou bagunceiro.

Como já vimos acima, por ser uma raça de cachorro com muita energia, é preciso investir em brinquedos, principalmente os que estimulem a mastigação.

Outro fator que influencia o comportamento do pet é o tamanho e qualidade do espaço onde ele vive. Por isso, invista no enriquecimento ambiental.

Agitado, o Pitbull precisa de uma rotina de exercícios e atividades desde filhote. Ao ficar preso, ele pode ficar estressado e desenvolver comportamentos indesejados. Veja como lidar com cães agitados.

Inicie o adestramento com comandos básicos, como senta e fica. O bom comportamento pode ser recompensado com petiscos e carinho. Eles adoram!

Veja aqui como organizar a rotina do seu cãozinho.

Pitbull filhote
Pitbull marrom filhote, deitado na frama. Crédito da foto: Freepik

Pitbull filhote – Saúde

Os pelos dessa raça são curtos, por isso exige certa proteção para não pegar sarnas e desenvolver alergias.

Observe se a pelagem dele está com uma boa aparência regularmente, bem como suas unhas e dentes.

Lembre-se de que as unhas devem estar aparadas sempre que estiverem grandes. E os dentes constantemente observados.

Devido a fatores genéticos, o Pitbull pode sofrer de displasia da anca, luxação da rótula e mielopatia degenerativa.

Afim de evitar possíveis problemas, leve seu pet ao veterinário pelo menos uma vez por ano, para que ele acompanhe de perto a saúde do seu cãozinho e previna qualquer problema de saúde com antecedência.

Além disso, é importante manter a carteira de vacinação em dia. Entre as vacinas obrigatórias estão: Polivalente (V8 ou V10) e Antirrábica.

Elas protegem contra doenças graves, então são fundamentais!

Geralmente, a vacina V8 ou V10 é dada em três doses com cerca de 21 dias entre uma e outra. Já a Antirrábica é feita em dose única.

É melhor que seu filhote só saia na rua e tenha contato com outros cães se já tiver tomado as doses.

Do contrário, é altamente recomendado que ele fique em casa para evitar possível contaminação na rua.

Além dessas vacinas, alguns veterinários recomendam outras para imunizar contra verminoses e gripes. Por isso, é muito importante realizar o acompanhamento, ok? Assim, seu pet ficará saudável e protegido!

Os vermífugos também são importantes, pois eliminam vermes e parasitas internos contraídos na rua, em alimentos e até em casa.

Já o remédio para pulgas e carrapatos mantém seu Pitbull filhote livre desses bichinhos tão incômodos. Use somente medicamentos destinados à filhotes, já que eles contêm doses seguras para seu pet.

Depois das doses, está liberado passear com o seu cãozinho! E ele irá adorar!

Pitbull filhote
Filhote fêmea de Pitbull, da cor chocolate e olhos azuis. Ela está com uma flor rosa na orelha. Crédito da foto: Freepik

Pitbull Filhote – Alimentação

A alimentação do Pitbull precisa ser feita de acordo com as necessidades nutricionais da raça, que levam em conta alguns fatores, como o tamanho e energia gasta durante o dia.

Por se tratar de um animal ativo e com a constituição física com musculatura avantajada, seu alimento precisa conter doses equilibradas de proteínas, vitaminas e outros componentes essenciais para a boa manutenção da sua saúde.

Quanto ao Pitbull filhote, o recomendável é que seja oferecida uma ração específica para a sua raça e idade, de 3 a 4 vezes ao dia.

A ração deve ser seca, de preferência, já que alimentos enlatados de constituição molhada podem resultar na criação de placas bacterianas.

Porém, esse alimento poderá ser dado ao filhote se, por algum motivo, o veterinário fizer essa recomendação.

O melhor é que seja evitado dar a ele sobras de comida humana.

Quando adulto, após completar um ano de idade, ele poderá gradualmente passar a se alimentar por 2 vezes ao dia, com ração seca, semiúmida ou alimento enlatado específico para a sua raça.

A quantidade deve ser de acordo com o especificado na embalagem.

Vegetais poderão ser incluídos na alimentação do Pitbull, pois, além de saudável para ele, alimentos crus ajudam a manter seus dentes limpos.

Porém, é importante não esquecer que ele precisa de carne em sua dieta. Por isso, é bom que receba quantidades razoáveis de carne magra, ossos de frango, etc.

Vai ter um Pitbull filhote em casa? Veja tudo o que você precisa ter para recebê-lo bem!

Com certeza, é uma grande alegria receber um cãozinho em casa, pois é como se fosse um novo membro na família.

É importante ter alguns itens básicos para recebê-lo bem, como alguns itens de saúde, segurança, conforto, alimentação e distração.

Pensando nisso, separamos para você um Check-list com todos os itens essenciais, como se fosse um “enxoval” para bebê, mas dessa vez é um bebê de quatro patas! Veja só o que você vai precisar para receber seu filhote:

Pitbull filhote: Alimentação

  • Ração Super Premium para filhote
  • Ração úmida para filhote
  • Petiscos para filhote
  • Ossinhos
  • Comedouro e bebedouro

Pitbull filhote: Conforto

  • Caminha para cachorro
  • Cobertor para cachorro
  • Roupinha para cachorro

Pitbull filhote: Higiene

  • Tapete Higiênico
  • Banho a seco
  • Shampoo
  • Condicionador
  • Colônia

Pitbull filhote – Passeio: só após as vacinas!

  • Coleira
  • Plaquinha de identificação
  • Peitoral
  • Guia
  • Saquinhos higiênicos
  • Caixa de transporte

Pitbull filhote – Brinquedos

  • Bolinha
  • Pelúcias
  • Cordas
  • Ossinhos
Pitbull filhote
Filhote de Pitbull cinza, branco e com olhos claros. Ele está usando um chapéu preto, deitado em fundo branco. Crédito da foto: Freepik

Pitbull filhote – Preço

Os preços de um Pitbull filhote podem variar entre R$500 a R$ 2 mil, no máximo. O valor é de acordo com o seu pedigree, linhagem ou também a tonalidade da sua pelagem.

Lembrando que, durante o primeiro ano de vida do animal, são necessárias vacinas obrigatórias que custam cerca de R$ 750.

Outro ponto importante a se considerar é que alguns filhotes de Pitbull comprados pela internet ou em petshops podem não ter as características puras da raça.

Por esse motivo, se desejar adquirir um cão com pedigree, o ideal é você que o busque em canis especializados e credenciados.

É também muito importante solicitar ao criador o histórico dos seus pais e avós, sendo da responsabilidade deles informar sobre qualquer tipo de problema.

Além disso, é interessante que seja solicitado informações sobre como o canil procede em casos de doenças genéticas que possam eventualmente se manifestar no filhote adquirido.

Peça fotos do local, dos pais e dos filhotes. Não fique com vergonha, pois os canis confiáveis não têm problemas em responder as questões dos possíveis clientes, pois sabem que a compra de um filhote é um processo delicado e que esse filhote fará parte de uma família.

Se o responsável agir de maneira estranha ou suspeita, ou até um pouco grosseira, desconfie! E se suspeitar de um canil clandestino, com cães sob maus-tratos, denuncie.

Por fim, prefira canis que possam lhe oferecer recomendações, que tenham ganhado prêmios, ido em exposições, que possuam clientes satisfeitos que podem lhe confirmar que o canil é confiável e prestou todos seus serviços corretamente.

Caso você queira adotar, não é difícil encontrar exemplares de Pitbull, pois alguns donos acabam abandonando seus cães ou então disponibilizam seu cão adulto, ou mesmo doam os filhotes em feiras.

Faça uma busca pela internet ou feirinhas de adoção. Apesar disso, o cão provavelmente não possuirá uma raça pura.

Mas se você não liga muito para isso, não tem a intenção de competir em exposições e quer apenas um cão para ser seu fiel companheiro, com certeza encontrará o cão ideal, pois mesmo que seja adotado, ele terá muito amor para dar!

Veja mais algumas fotos de Pitbull filhote:

Pitbull filhote
Pitbull filhote caramelo, branco e de olhos azuis. Ele está parado, com a língua de fora, em expressão sorridente. Fundo ao ar livre. Crédito da foto: Freepik
Pitbull filhote
Filhote de Pitbull da cor marrom escuro e olhos azuis. Ele está sentado na natureza, com expressão sorridente e língua de fora. Crédito da foto: Freepik

Não é à toa que o Pitbull está na lista de raças de cachorros mais conhecidas e queridas pelos brasileiros. Muito diferente do estereótipo agressivo, a raça é carinhosa, dócil e apegada aos donos. Se apaixone você também!

Está se sentindo mais seguro para cuidar do seu Pitbull filhote? Com os cuidados básicos, carinho e adestramento, ele terá o ambiente perfeito para ser um cachorro dócil e comportado.

Leia também:

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here