Um cachorro vomitar não é uma ocorrência incomum, mas nem por isso é um comportamento despreocupado. Para isso algumas providências devem ser tomadas para que o seu amigo seja tratado de maneira correta e ficar saudável. O vômito pode significar diversas patologias e este é um dos maiores motivos dos donos levarem os seus cães ao veterinário.

Passos iniciais

O que fazer quando o cachorro vomita

Primeiro é preciso investigar há quanto tempo isso vem acontecendo, qual a frequência e se houve alguma mudança na vida do animal como mudança de ambiente. Quando o cachorro vomita é preciso tomar alguns cuidados imediatos, antes de levá-los ao médico. Retirar a água para evitar que o cachorro engasgue, analise o vômito e veja o que há nele, parece nojento, mas deve ser feito.

Observe se ficou algum resto de secreção no nariz e na boca do cachorro. Se este for o caso, os locais devem ser limpos o mais rápido possível. O pet deve ser levado ao veterinário imediatamente para que a causa do vômito seja investigada. Quando o cachorro vomita com muita frequência é porque já se tornou crônico e pode estar relacionado a diversos fatores.

Principais causas do vômito

O que fazer quando o cachorro vomita

O vômito crônico em cães pode ter várias causas como as sistêmicas, gástricas (sendo as mais comuns virais ou bacterianas, doenças inflamatórias como pancreatite e gastrite) e até mesmo renais. Neoplasias e presença de corpos estranhos também podem dar causa ao vômito. Veja outras possíveis causas listadas abaixo:

  • úlcera;
  • doença hepática;
  • infecção uterina;
  • doença de Addison (se carateriza por uma insuficiência na glândula dos rins);
  • catoacidose;
  • doenças no ouvido interno;
  • obstrução ou laceração da bexiga;

Principais sinais clínicos

O vômito em cães pode ser algo comum em diversas raças, mas se ele estiver vomitando há mais de dois dias é melhor levá-lo ao veterinário. Essa frequência pode significar uma patologia mais séria do que parece. O quanto antes o seu cachorro for levado ao médico, melhor. Há diversas patologias que podem estar associadas ao vômito canino e o diagnóstico pode demorar um pouco.

O que fazer quando o cachorro vomita

Nesse momento, é muito importante que o dono esteja junto, pois o médico pedirá um histórico do cachorro. Algumas informações são valiosas para fechar um diagnóstico preciso, como por exemplo, se houve diarreia, como está o apetite dele, perda de peso, se há sangue ou não no vômito. Descrever a aparência do vômito expelido pelo seu cachorro também é muito importante.

Por exemplo, um vômito amarelado, que possivelmente é a bile, pode vir acompanhado ou não de pedaços de comida que não foram digeridos de maneira eficaz. Esses alimentos também podem vir cobertos de uma substância viscosa. Porém, se o vômito vier sanguinolento é sinal de uma doença mais grave como a úlcera ou mesmo um câncer.

O que fazer quando o cachorro vomita

Tratamento para o vômito canino

Assim que médico veterinário fechar o diagnóstico, ele prescreverá alguns tipos de tratamentos que podem ser a base de antibióticos, anti-inflamatórios, poderá haver mudanças na dieta do cachorro, se houver úlcera será necessária uma intervenção cirúrgica ou antieméticos para prevenir mais episódios de vômitos e náuseas.

O que fazer quando o cachorro vomita

Para um tratamento completo e eficaz é preciso ficar atento a certos detalhes que fazem a diferença. Por exemplo, procure dar ao seu cachorro mais comida, porém aos poucos, evitando que ele possa engasgar com o alimento. Até que o tratamento esteja completo, observe atentamente o seu amigo. Analise se ele vai ficando mais ativo com o tempo ou continua na mesma. Se houver piora do quadro leve-o rapidamente ao médico veterinário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here