Você sabe quantas vezes por dia você dá comida ao seu cachorro? E qual a quantidade que é oferecida em cada refeição? Não faz ideia? Não se assuste, pois a grande maioria dos donos também não sabem. Mas essa é uma informação muito importante e não pode passar despercebida. Assim como as crianças, é muito comum ver cães cada vez mais obesos. Isso acontece muito porque os seus donos não têm tempo de fornecer uma alimentação adequada, que condiz com a raça e com o porte do animal. Muitos deles passam o dia inteiro fora de casa, trabalhando, e para não correr o risco de deixar o cão passar fome, deixam toneladas de comida nos pratos. Veja quais são as consequências disso e qual a melhor maneira de fazer o seu cachorro se alimentar da maneira correta.

Veja também nosso artigo sobre os melhores tipos de rações.

A quantidade ideal de ração para o seu cão

Fatores que devem ser levados em consideração

A primeira coisa que deve ser observada é a idade. Os especialistas recomendam apenas duas refeições por dia para um cão adulto, sendo uma de manhã e outra de noite. Mas filhotes fogem a essa regra, isso porque possuem um metabolismo muito mais elevado e consomem rapidamente, grande quantidade de energia. Para eles, o ideal é comer de 4 a 5 vezes por dia. A quantidade de comida fica de acordo com raça, o porte e a idade.

A quantidade ideal de ração para o seu cão

Nada de fazer as manias do seu animal. Você precisa estabelecer os horários da refeição desde filhote para que ele se habitue a essa rotina. Assim, você colocará a tigela no chão e a deixará lá por apenas 10 minutos (se o cão acabou de chegar na casa, ele pode estar assustado demais para comer e assim você pode deixar por até 20 minutos a tigela no lugar). Depois desse tempo você irá retirá-la, mesmo que ele não tenha comigo nem um grão de comida. No próximo horário, coloque a tigela de novo no mesmo local e pelo mesmo intervalo de tempo. Se ele não comeu da primeira vez, com certeza deve estar faminto. Esse tipo de “regra”, deixa a saúde do seu cão em dias e lhe permite monitorar se ele está comendo bem ou não. É no momento da alimentação que mais se nota quando está tudo bem ou não com o animal.

Recomendamos a leitura: Veja qual o melhor tipo de ração para seu cachorro.

A quantidade ideal de ração para o seu cão

É importante mostrar ao cão que ele não pode comer simplesmente na hora que quiser, isso atrapalha a sua rotina e também pode fazer você passar vergonha com as visitas. Já pensou você lanchando com um amigo e o seu cão ficar latindo insistentemente para elas? Outro ponto muito importante é a questão da higiene. Quando você deixa a comida no chão por longos períodos pode atrair ratos, baratas e outros bichos que podem transmitir alguma doença. Assim como nós, os cães precisam de uma dieta equilibrada e horas regulares para se alimentar.

A quantidade ideal de ração para o seu cão

Um detalhe muito importante é quanto aos donos que gostam de dar aqueles petiscos para os cães. Esses alimentos são como salgadinhos e balas para as crianças e só distraem a fome e faz seu cão perder a fome no momento em que ele deveria fazer uma boa refeição. Portanto, fique atento aos tipos de alimentos que você fornece a ele e faça exames de sangue para detectar algum sinal de anemia se notar alguma diferença no seu amigo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Tenho 2 baces de 3 meses uma postura de 7 mmeses gostaria de saber se a quantidade de ração que vem na embalagem e válida mesmo,_? Acho elas Maras estou dado o que manda na embalagem. Obrigado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here