cão grande e um pequeno

Quem tem cão realmente gostaria que eles vivessem para sempre. A expectativa de vida dos cães varia de acordo com alguns fatores. Mas se você é apaixonado por um determinado tipo de raça que tem uma expectativa de vida mais baixa pode ficar com o coração apertado por pensar em perder seu peludo ainda mais cedo.

Nesse artigo vamos falar sobre a expectativa de vida dos cães. Quais as expectativas médias, cães que vivem mais. E principalmente como dar mais chances para o seu peludo se aumentar essa expectativa e levar uma vida mais longa e saudável.

Expectativa de vida média

Cães que não gostam de banho

Os cães em média vivem de 10 a 13 anos de vida. Isso em uma média total de cães no geral. Mas a expectativa de vida dos cães no geral está intimamente ligada a raça e principalmente ao porte do peludo.

Embora a pergunta do título seja uma curiosidade e algo que os estudiosos também querem saber. Não existe uma resposta exata para isso. Apenas se sabe que cães maiores vivem menos.

Acredita-se que isso esteja ligado ao estilo de vida, já que cães maiores costumam ter tutores mais ativos. Que os levam mais para atividades e mais brincadeiras. Enquanto cães de pequeno porte seriam menos ativos e desgastariam menos seu organismo. Tudo especulação.

hotel pet friendly

Mas se sabe o coração de cães maiores é relativamente menor em relação à proporção do seu corpo. Comparando a proporção do coração de cães pequenos para o corpo deles. O que significaria mais esforço do coração para bombear sangue para o corpo e mais desgaste do órgão. Tudo isso são especulações.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre alimentação de cães idosos

Como aumentar as chances do cão viver mais

Chegamos ao ponto mais importante desse artigo. Como aumentar a expectativa de vida do cão e dar mais chances dele viver mais? Bom, infelizmente a expectativa de vida do cão é aquela de acordo com a raça ou com a média se for um SRD.

Mas com cuidados que você deve dar ao peludo ao longo da vida. Você consegue proporcionar mais saúde e aumenta as chances dele de passar mais tempo com você.

  • Alimentação

expectativa de vida

O primeiro passo é proporcionar uma alimentação saudável e equilibrada para o seu peludo. Sim, esse passo é bem importante. Assim ele terá todos os nutrientes de que precisa. Quanto melhor o organismo dele estiver. Mais saúde ele terá e mais chances de envelhecer bem.

  • Atividades físicas

Embora seja uma suspeita que atividades físicas pesadas possam levar os cães maiores a ter uma expectativa de vida mais baixa. Isso é só uma ideia e especulação. O que temos de comprovação é que sedentarismo não é bom. Provocando uma série de problemas de saúde física e mental para os peludos.

Por isso leve seu cão para passear diariamente, se divertir, brincar. Socializar o peludo também é bom, pois socializando com outros cães e pessoas ele será mais tranquilo. Afinal, é uma necessidade dos cães.

  • Prevenção de doenças

cão com veterinário

Os cuidados veterinários são importantes. Vacinar corretamente seu peludo. Levá-lo para os check ups anuais. Dar todos os remédios contra parasitas e evitar que ele tenha acesso a ambientes onde possa ser infectado com doenças é importante.

  • Cuidados

Por fim cuidados como castração também são um ponto importante. As fêmeas castradas antes do primeiro cio, por exemplo, apresentam chances quase nulas de ter câncer de órgãos reprodutores e de mama. O câncer é uma das maiores causas de morte de cães.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre cuidados com castração dos cães

Quando o cão se torna idoso

cão idoso

É importante estar atento para quando vai chegando a idade idosa. As necessidades do cãozinho mudam, e você precisa acompanhar isso. Lá pelos oito anos de idade é quando mais ou menos os cães entram na terceira idade. Mas eles já podem começar a apresentar sinais de velhice antes.

Pelos brancos no focinho e cansaço são os principais sinais. Quando os peludos começam a envelhecer é importante aumentar as idas ao veterinário. Adeque a alimentação dele para idosos de acordo com a orientação do profissional.

Adeque também as atividades físicas ao novo pique do seu cãozinho. Que normalmente vai se demonstrar menos ativo do que na juventude. Com muito amor e dedicação o seu peludo vai levar uma vida muito feliz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here