Dentro do globo ocular existe um líquido chamado de humor aquoso e a produção dessa substância fica prejudicada quando ocorre algum tipo de pressão ocular. Por sua vez, essa condição também afeta o nervo ótico, elemento principal para proporcionar a nossa visão e se ele não funciona bem, a visão dos cães começa a falhar.

Confira também: 10 dicas legumes e verduras para seu cachorro.

Esse tipo de problema pode ter como causa a genética ou acidentes. Existem algumas raças que possuem que estão predispostas a apresentar esse problema, é o caso do Poodle, Cocker Spaniel, Chow Chow, Shar Pei e Beagle. Esses cães apresentam o que pode ser chamado de glaucoma de origem primária.

Glaucoma em cães pode causar cegueira

Sinais e sintomas do glaucoma em cães

O cão que possui glaucoma sente certo incômodo nos olhos e eles podem ficar frequentemente inchados. É possível encontra-los esfregando a a cabeça e os olhos com a pata para aliviar os sintomas. Outros sintomas que podem ser identificados são:

  • Perda de apetite;
  • Vômitos;
  • Os olhos lacrimejam constantemente;
  • Olhos com uma mancha de cor azulada como um borrão;
  • Olhos avermelhados;
  • Andar sempre de cabeça baixa para aliviar a dor nos olhos;

Glaucoma em cães pode causar cegueira

É preciso estar sempre observando, pois a tendência, que pode ser gradativa ou súbita, é que os olhos aumentem o seu tamanho e ficam “arregalados”. O normal é que o glaucoma afete os dois olhos, mas pode acontecer de apenas um deles ser acometido.

Como diferenciar o glaucoma da catarata?

Glaucoma em cães pode causar cegueira

Pode ser complicado oferecer um diagnóstico diferencial para essas duas doenças que possuem sintomas muito parecidos. As duas apresentam nos olhos a tal mancha azulada com aspecto de nuvem. A grande diferença é que a catarata raramente causa dor e pode ser vista em outras partes dos olhos.

Diagnóstico do glaucoma

Glaucoma em cães pode causar cegueira

A principal forma de diagnóstico para o glaucoma é a com o uso de um aparelho chamado de tanômetro. Ele possui a forma de uma caneta e seu objetivo é medir a pressão ocular. É um teste bem simples e que é feito dentro do consultório do veterinário. O aparelho fica por poucos segundos encostando-se ao olho do cachorro e por causar certo incômodo pode ser preciso usar anestesia.

Tratamento do glaucoma

A primeira medida a ser tomada é de amenizar os sintomas. Pode ser prescrito um colírio que reduz a dor e a pressão intraocular. Dependendo da fase em que a patologia se encontra pode ser necessária uma intervenção cirúrgica. Infelizmente, quando a doença está num estágio muito avançado, nenhum tipo de tratamento oferece os resultados esperados.

Glaucoma em cães pode causar cegueira

Consequências do glaucoma em cães

Além da cegueira, se o glaucoma não for tratado a tempo, pode ser necessária a retirada do globo ocular. Como dito acima ele tende a ficar cada vez maior e para evitar maiores complicações é preciso que ele nessa removido. A melhor maneira de proteger o seu cachorro dessa doença ainda é a prevenção. Leve-o ao veterinário sempre que suspeitar de qualquer problema.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here