Fogos de artifício: Saiba como funciona o truque do pano para cães

U Milena Costa    t 5 de janeiro de 2018


Quando as festas de fim de ano se aproximam uma das maiores preocupações com os cães é o problema com os fogos de artifício. Para a maioria de nós natal e ano novo significa felicidade e recomeço, mas para os cães os fogos de artifício são um problema real. Neste artigo você irá aprender a solucionar este problema com o truque do pano para cães.

Todo ano os tutores de cães buscam novas maneiras de proteger seus amigos peludos. Você já deve ter ouvido falar do truque do pano ou amarração, mas principalmente os tutores novos ficam de tentar coisas assim. Nesse artigo você entende tudo sobre o assunto.

Fogos de artifício

Qual o problema dos fogos de artifício?

Todo tutor responsável de um peludo entende qual o problema, mas vale sempre a pena relembrar como os fogos de artifício são negativos para os cães. Os cães tem uma audição muito maior do que os seres humanos.

Além do barulho extremamente alto, os cães não entendem o que está acontecendo. Nós que somos humanos e sabemos o que são os fogos de artifício podemos nos assustar, imagine o seu cãozinho que não faz ideia do que aquele barulho estrondoso significa.

fogos de artifício


Já houveram relatos de cães que passaram mal por medo, e muitos foram os relatos de animais que se machucaram na tentativa de fugir dos fogos de artifício, mesmo dentro de casa eles ficam com medo e não sabem o que fazer.

Como funciona o truque

O truque do pano é uma amarração feita no corpo do cão, que ajuda o animal a ficar mais tranquila. Ela foi criada pela técnica Linda Tellington-Jones, mas era aplicada inicialmente em cavalos ariscos.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre porque algumas brincadeiras com cães não são indicadas

A amarração tem efeito sobre o sistema nervoso do cão, a informação que a pressão do pano cria que é enviada ao cérebro deixa o cãozinho mais tranquilo. Por isso a técnica realmente funciona, mas é preciso alguns cuidados. Principalmente porque essa não deve ser a única atitude tomada.

fogos de artifício

Como fazer?

Para proteger seu amigo peludo dos fogos de artifício com a técnica da amarração é preciso ter um pano ou faixa, grande o suficiente para fazer um oito no seu cão. Por isso o tamanho da faixa vai variar de acordo com o cão. Mas pode ser um lençol, por exemplo.

O centro do pano deve começar no peito do cão e subir para o dorso. Depois os dois lados devem descer e ser cruzados novamente, desta vez sob o dorso do cão. A faixa deve subir novamente e então ser amarrada. Mas é importante que o nó não esteja sobre a coluna.

fogos de artifício

O que fazer além da amarração

É necessário entender que o truque do pano não é a solução para o problema. Dependendo do trauma e bagagem do cãozinho, ele pode ainda assim ficar assustado. O ideal é que você não o force a ficar onde está desconfortável e deixe ele se esconder.

Vale lembrar que se manter calmo é a chave para seu cão entender que está tudo bem. Se você se aproxima dele abraçando e se encolhendo ou com cara de preocupado, ele irá se preocupar mais.

fogos de artifício


Portando sorria e brinque com ele, para que seu cão entenda que está tudo bem. Se necessário feche as janelas e pode dar um petisco quando os fogos de artifício começarem, isso o faz associar os fogos a algo bom, mesmo incomodando.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como seu cão demonstra que te ama

Jamais deixe seu cão sozinho nessas situações, mesmo com a amarração. Houveram casos de cães que atravessaram portas de vidro e ficaram seriamente feridos. Pode não acontecer exatamente isso, mas ele pode se machucar.

Quais as alternativas?

Você pode optar por passar as festas em locais mais tranquilos, pode parecer que eles não existem. Mas algumas cidades ou até em sítios, podem ficar em regiões mais tranquilas.

cão com medo


Quem não quiser usar a amarração, mas também não pode ir para um lugar mais tranquilo. Pode começar a treinar seu cão antes das festas. Colocando barulho de fogos de artifício para tocar em casa.

E sempre mantendo a calma, mostrando para o cão que não há nada errado. Vale a pena dar um petisco enquanto o barulho começa e se o cão se afasta você continua tranquilo, se ele mostra tranquilidade você dá mais petisco.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre coisas que seu cão pode pressentir e você nem imaginava

Parece triste submeter os cães a essa situação que sabemos que é desconfortável para eles, mas assim eles podem passar por isso com mais tranquilidade e sem se desesperar.  Afinal, muitas vezes é algo inevitável.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Populares

Dachshund (Salsicha, Basset, Teckel ou Cofap)

Grupo dos Hounds

Dachshund (Salsicha, Basset, Teckel ou Cofap)

As vacinas para cachorros podem apresentar efeitos colaterais?

Cuidados

As vacinas para cachorros podem apresentar efeitos colaterais?

Cavalier King Charles Spaniel

Grupo dos Esportistas

Cavalier King Charles Spaniel

Os cachorros mais bonitos do mundo

Curiosidades

Os cachorros mais bonitos do mundo

Como Construir uma Casa de Cachorro Ideal

Cuidados

Como Construir uma Casa de Cachorro Ideal

Últimos Artigos

Saiba como dar bronca no cão na hora e jeito certos

Dicas

Saiba como dar bronca no cão na hora e jeito certos

Limpar as patas: Saiba quando e como fazer isso

Cuidados

Limpar as patas: Saiba quando e como fazer isso

Convivência entre cães macho e fêmea

Dicas

Convivência entre cães macho e fêmea

Cães agressivos com comida: Saiba como lidar e evitar

Dicas

Cães agressivos com comida: Saiba como lidar e evitar

Saiba qual a idade certa para castrar seu cão

Cuidados

Saiba qual a idade certa para castrar seu cão